Cidadeverde.com

São João do Piauí desenvolve ações de combate ao trabalho infantil

Durante audiência pública realizada nesta quinta-feira (28), na Câmara Municipal de São João do Piauí, órgãos e entidades expuseram aos vereadores e à população os indicadores e ações de combate ao trabalho infantil no município.
 
Dados do Censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 2010 apontavam 496 crianças ocupadas com idade entre 10 e 15 anos, o que representa 21,1% da população.
 
De acordo com a coordenadora do redesenho do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, Gilda Tavares, ações como o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) – com capacidade para 290 crianças e adolescentes, mas que atende, atualmente, 448 – e o Programa Bolsa Família – que atende 3.126 famílias – vêm auxiliando na redução dos indicadores do trabalho infantil em São João do Piauí.
 
“Só é possível saber se houve redução desses indicadores com as pesquisas, mas, na prática, notamos que em praças, bares, lanchonetes, estádios e vendedores ambulantes, não há utilização de mão de obra infantil. Hoje, percebemos que os adultos fazem este trabalho, que antigamente era feito por crianças. Notamos também maior tolerância da população quanto a não utilização de mão de obra infantil”, comenta.
 
“O trabalho escravo e o trabalho infantil ainda existem. Infelizmente, é uma vergonha nacional e que cabe a cada um de nós combater. É muito gratificante realizar este evento em parceria com a Câmara, pois precisamos unir forças. Todos os serviços da Secretaria estão prontos para contribuir com o fim do trabalho infantil e da violação dos direitos das nossas crianças e adolescentes”, explica a secretária municipal de Desenvolvimento Social e Cidadania, Viviane Moura.