Cidadeverde.com

Tenente Flaubert descarta filiação partidária

Foto - ascomABMEPI

Em nota, a assessoria da Associação dos Bombeiros e Policiais Militares do Piauí esclarece possível missão político-partidária do presidente da entidade, tenente Flaubert Rocha. A íntegra da nota:

"A respeito de matérias publicadas em alguns meios de comunicação, o BM Tenente Flaubert Rocha, atual presidente da Associação dos Bombeiros e Policiais Militares do Estado do Piauí- ABMEPI, afirma que não tem pretensões políticas, bem como não tem a intenção de disputar a presidência do Diretório Municipal de Teresina do PSL.

A presidência do Diretório Municipal de Teresina do PSL encontra- se vaga desde a morte do Capitão Anderson, vítima de um acidente automobilístico , no dia 1º deste mês, no município de Piracuruca, quando se dirigia à cidade de Parnaíba para se reunir com prefeito Mão Santa para tratar da vinda do presidente Jair Bolsonaro ao Piauí.

O Tenente Flaubert afirma que sente muito a morte do Capitão Anderson, amigo de corporação e de associação, que por vezes juntos lutaram por melhorias para os bombeiros e policiais militares do Piauí, afirma que não sabe como seu nome foi colocado em meio essas questões.
O presidente da Associação dos Bombeiros e Policiais Militares do Estado do Piauí esclarece ainda que ao assumir a presidência da ABMEPI se comprometeu com os militares piauienses e irá respeitar esse compromisso.

Essas questões políticas que envolvem seu nome não refletem a realidade. Tenente Flaubert segue estritamente normas da corporação Bombeiro Militar do Piauí e está na ativa não podendo se filiar a nenhum partido político, assim como seus planos são exclusivamente a defesa da categoria militar."