Cidadeverde.com

Maternidade Evangelina Rosa é desinterditada

Foto - ascomsesapi

 

O Conselho Regional de Medicina (CRM), na noite desta segunda-feira (04) resolveu pela desinterdição da Maternidade Dona Evangelina Rosa (MDER), o que permitirá que a maternidade volte a funcionar em plena normalidade.

Antes da reunião do colegiado, a Presidente, Miriam Palha Dias, e membros do CRM estiveram  reunidos com o secretário da Saúde, Florentino Neto, com o diretor da MDER, o médico Francisco Macedo, e uma equipe de técnicos da Maternidade, da CGE e da SESAPI.

O secretário Florentino Neto destacou que foi elaborado um plano de providências que está  sendo cumpridos. “A MDER está com regularidade no abastecimento, fluxo financeiro restabelecido, reformas de várias alas e um projeto de continuas reformas que irá continuar", disse o secretário. 

A maternidade sofreu a interdição em novembro do ano passado e ficou interditada por 11 meses.