Cidadeverde.com

Aliança proporcional ameaça tirar MDB da base governista

Lideranças emedebistas atribuem ao PT tentativa de isolar a sigla no bloco governista. A direção  petista insiste na tese da chapa pura na eleição de deputados estaduais e, segundo setores do MDB, incentiva formação de coligação com outras siglas aliadas, deixando a legenda isolada no pleito para Assembleia Legislativa. A situação irrita os emedebistas, que pedem intervenção do governador Wellington Dias no conflito. Nesse cenário, o MDB ameaça até mesmo deixar a base governista. O assunto deve ser motivo de novo encontro, em Brasília,  do governador com o presidente estadual do MDB, deputado federal Marcelo Castro.