Cidadeverde.com
Cidades

Suparc, Instituto de Águas e FGV avaliam estudos de saneamento para interior

Imprimir

Os estudos para definição do modelo de contratação para prestação dos serviços de abastecimento de água e saneamento para o sul do estado tiveram um avanço significativo durante a reunião realizada na Superintendência de Parcerias e Concessões (SUPARC) realizada na manhã desta sexta (14).

Viviane Moura, superintendente de Parcerias e Concessões, juntamente com Francisco Costa, diretor-geral do Instituto de Águas e Esgotos do Piauí e representante da Fundação Getúlio Vargas debateram sobre o projeto de subconcessão que abastecerá 38 municípios pertencentes ao Consórcio Regional de Saneamento do Sul do Piauí. “Queremos coleta e tratamento de água até atingir a universalização”, afirmou o presidente do Instituto.

O estudo preliminar mostrou que a maioria dos municípios conta com sistemas de pequeno porte, baixa qualidade de captação e déficit em abastecimento.
A proposta inicial aponta para um a meta de índice de perda de até 25% em 5 anos, com universalização em 15 anos. Além disso, a tarifa de água não deve sofrer alterações.

O projeto segue para últimos ajustes e deve ser apreciado pelo conselho gestor em agosto. O projeto está previsto para ser licitado até o final do ano.

 

Da Redação
redacao@cidadeverde.com 

Imprimir