Cidadeverde.com

Descobertas moléculas orgânicas no solo de Marte

Na semana passada a revista Science publicou um artigo em que anunciou a descoberta de matéria orgânica no solo de Marte. A sonda Curiosity da NASA analisou amostras de solo demonstrando a presença de moléculas à base de Carbono – base molecular importantíssima para a vida na Terra.

Desde que pousou em 2012 no solo marciano, a sonda Curiosity faz incursões e coletas de amostras. As primeiras detecções foram consideradas muito fracas pelos cientistas, supondo-se inclusive que poderiam se contaminações, advindas da Terra.

Sonda Curiosity

A Curiosity agora se deparou com moléculas orgânicas similares às que são encontradas no gás e óleo típicas da matéria orgânica que forma o petróleo na Terra. A extração foi feita em dois locais diferentes no antigo leito do que teria sido um lago. Desta vez foram encontradas amostras orgânicas em um volume 100 vezes maior do que a anterior.

Apesar da descoberta dos materiais orgânicos não significa que o mesmo tenha sido originado de um ser vivo, mas sua simples descoberta já evidencia a capacidade da molécula em se preservar a uma pequena profundidade de uma superfície completamente inóspita, por pelo menos três bilhões de anos (a datação estimada para a amostra do solo).

Os cientistas usaram uma broca robótica que extraiu a amostra alguns centímetros abaixo do solo. A amostra foi aquecida a uma temperatura entre 600°C e 860°C. Um espectrômetro de massa analisou a fumaça resultante do aquecimento percebendo moléculas de carbono na forma de pequenas cadeias alifáticas (abertas) e anéis aromáticos (cadeias fechadas). Quimicamente as moléculas se mostraram semelhantes ao querogênio, a parte insolúvel de uma molécula orgânica que se produz por intempéries pedológicas.

As moléculas encontradas podem ser tanto derivadas de organismos que viveram no passado de Marte, quanto oriundos de meteoros que, em geral, também são ricos neste tipo de molécula.

O próximo passo é enviar missões a Marte que consigam retornar para Terra trazendo estas amostras, para que possam ser examinadas nos laboratórios terráqueos. Análises mais detalhadas podem evidenciar a origem destas moléculas.