Cidadeverde.com

60 anos de Geografia no Piauí

Pelo Decreto Federal Nº 43.402 de 18 de março de 1958, assinado pelo Presidente Juscelino Kubitschek e o então Ministro da Educação, Clovis Salgado, estavam autorizados os cursos de Filosofia, Geografia, História e Línguas Neolatinas da Faculdade Católica de Filosofia do Piauí, a FAFI, mantida pela Sociedade Piauiense de Cultura. Os cursos de Geografia e História funcionaram inicialmente juntos. Somente a partir de 1963 os cursos se consolidaram e se tornaram independentes, passando a formar professores nestas duas ciências distintas. Apesar disso, comemora-se em 2018 os 60 anos de abertura do primeiro curso de Geografia no Estado do Piauí.

De acordo com o Dicionário Houaiss a Geografia é ciência que tem por objeto de estudo os fenômenos físicos, biológicos e humanos que ocorrem na Terra, suas causas e relações recíprocas. Dada a extensão deste conceito, trata-se de uma das mais diversificadas ciências, o que termina refletindo em uma formação ampla, a extrapolar os limites das salas de aulas.

O curso de Geografia na Universidade Federal do Piauí, instalado oficialmente na época da fundação da universidade, com a fusão das faculdades, dentre elas a FAFI, responsáveis pela origem da nossa maior instituição de Superior, em 1971, já formou centenas de profissionais. É considerado o curso-mãe de outros tantos cursos de Geografia como os da Universidade Estadual do Piauí (UESPI) e de outras instituições congêneres como a Universidade Estadual do Maranhão (UEMA) em Caxias (MA).

O curso de Geografia da UFPI é subordinado ao Centro de Ciências Humanas e Letras (CCHL), atualmente conta com 16 (dezesseis) professores efetivos, a maioria dos quais com o título de Doutor. Está equipado com 4 grandes laboratórios de diferentes áreas como Geomática, Solos e Sedimentos, Cartografia Escolar e Geotecnologias, Geografia Física e Estudos Ambientais  atuando tanto na área de pesquisa, quanto no reforço às atividades de ensino e extensão. Além disso foram criados e estão em fase de implantação dois laboratórios: Climatologia Geográfica e Formação Docente e Ensino de Geografia,

A evolução do curso permitiu que fosse aprovado o Programa de Pós-Graduação em Geografia (PPGGEO), atualmente com vagas abertas para o Mestrado em Geografia, com duas áreas de Concentração: Estudos Regionais e Geoambientais e Ensino de Geografia. O curso ainda conta com a Revista Equador, especializada em publicações científicas na área de Geografia e áreas subjacentes, que já está no seu volume 7.

As comemorações pelo 60º aniversário de existência do curso de Geografia ocorrerão hoje (21) e amanhã. Veja programação a seguir:

 21 DE NOVEMBRO DE 2018

 Local: Auditório Noé Mendes - CCHL/UFPI

 8h30 – Abertura

 9h - CAFÉ GEOGRÁFICO

 Homenagem aos Professores que contribuíram com Curso de Geografia da UFPI

 Coordenação: Profa. Dra. Bartira Araújo da Silva Viana e Prof. Me. Wesley Pinto Carneiro

 Diálogos sobre o Passado - a memória do curso de Geografia da UFPI pelo(a)s professore(a)s   aposentados(a)s

 Coordenação:

 Prof. Dr. José Luís Lopes Araújo

 10:30h – Memória Geográfica do Curso de Geografia pelas Fotografias

 11h - A Experiência na Geografia do Presente da UFPI – memórias recentes do curso de Geografia

 12h às 14h – Intervalo para almoço

 14h – Apresentação de vídeos

 14h30 - A Experiência na Geografia do Presente da UFPI – memórias recentes dos ex-alunos do curso de   Geografia

 16h – A Pós-Graduação em Geografia da UFPI – a produção da ciência e seus veículos de divulgação.

 19h - Noite cultural

 Centro Acadêmico de Geografia e pela Atlética.

 22 DE NOVEMBRO de 2018

 Local: Auditório da Pós-Graduação do CCHL

 9h - Memórias do Movimento estudantil

Momentos como estes são importantes para mostrar à sociedade o quanto determinada área do conhecimento sedimenta-se como importante para formação de profissionais de todas as áreas. Saúdo por este aniversário grandes amigos geógrafos com quem já pude trabalhar ao longo de todos estes anos de Magistério nas escolas por onde passei, na UFPI e na UESPI, em especial aos colegas do Programa de Pós-Graduação em Geografia (PPGGEO) da UFPI que me acolheram, mesmo sendo biólogo, por entender que poderia contribuir para esta ciência que agregou próceres de diferentes quilates em nível mundial como Alexander von Humboldt, Karl Ritter, e em nível nacional Aziz Nacib Ab’Saber, Milton Santos e Dárdano de Andrade Lima.

Parabéns Geografia!!!