Cidadeverde.com

Biodiversidade: o que temos para falar sobre o Meio Norte do Brasil?

Esta semana que passou recebemos da Editora mais um livro que ajudamos a organizar que traz como tema a Biodiversidade. Trata-se do Biodiversidade do Meio Norte do Brasil: conhecimentos ecológicos e aplicações – Volume 2.

Capa do Livro Biodiversidade de Maio Norte - Volume 2

O livro foi produzido numa parceria entre pesquisadores das universidades UFPI, UESPI, UFMA e UEMA e da EMBRAPA. Nesta obra selecionamos trabalhos que trazem informações sobre vírus que atuam em plantas, bactérias em sua relação com desinfetantes comerciais, diversidade de fungos, fungos parasitas de plantas e fungos que auxiliam o desenvolvimento de pastagens, além de estudos sobre a flora de regiões do Piauí e do Maranhão e estudos sobre a diversidade genética de nossas galinhas caipiras e da atividade mutagênica de plantas da nossa flora.

A temática de Biodiversidade é um dos focos da nossa pesquisa desde 2005 quando ingressei no curso de Doutorado em Botânica na Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Na época me concentrei em estudar as plantas de um ecossistema altamente impactado pela atividade turística que é uma das formas vegetacionais que cresce nas regiões litorâneas: a Restinga. Depois disso me senti instado a dar vazão aos muitos estudos realizados nas universidades e que às vezes não atingem pesquisadores e muito menos o grande público.

Em 2011 organizamos uma obra sobre Biodiversidade do Piauí , trazendo alguns estudos que envolviam não somente plantas (nossa especialidade),

mas informações sobre outros organismos, fortalecendo parceria com vários colegas pesquisadores. Em 2013, o segundo volume sobre Biodiversidade do Piauí que traz uma concentração de informações que obtive a partir da minha tese de doutorado, mas que também traz importantes trabalhos de outros pesquisadores das áreas de microbiologia e zoologia, mas com estudos restritos a área geográfica do Piauí.

O livro publicado agora em 2018 é a sequência de uma parceria com o colega Eduardo Bezerra de Almeida Jr., pesquisador pernambucano radicado na Universidade Federal do Maranhão (UFMA) e que já havia colaborado na publicação do Biodiversidade do Piauí (Vol. 2). Em 2015, reunimos estudos de pesquisadores do Piauí e do Maranhão e publicamos o livro Biodiversidade do Meio Norte do Brasil: conhecimentos ecológicos e aplicações.

A ideia destas publicações passa também pela necessidade de alertar as populações destes dois estados sobre a importância da conservação da Biodiversidade, para manutenção do equilíbrio sustentável, uma vez que são dois estados ricos e biodiversos, mas que têm suas economias pautadas em atividades agrícolas que, se não trabalhadas sob premissas de sustentabilidade, podem levar a grandes perdas da riqueza natural que possuem.

O último artigo que publiquei, ainda em 2018, na Revista Equador, chama a atenção para o pequeno número de estudos na área de Biodiversidade, para o estado do Piauí. Neste estudo fizemos o apanhado do que havia sido publicado entre os anos 2003 e 2013. Apesar de não retratar a situação atual, este estudo aponta dados preocupantes sobre os efeitos desta falta de conhecimento sobre nossas riquezas. Se tiver curiosidade e quiser acessar a publicação clique aqui.

Além do livro recém lançado, as demais obras encontram-se disponíveis nas melhores livrarias brasileiras.

Bom domingo para todos(as).