Cidadeverde.com

Piauí registra 16 mortes e mais de 400 novos casos do coronavírus em 24 horas

Foto: Roberta Aline/Cidadeverde.com

O Piauí registrou mais 16 óbitos e 464 novos casos de infecção pelo coronavírus, segundo boletim da Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi), divulgado na noite desta quarta-feira (10). 

Com os novos registros, são 299 mortes acumuladas desde março, e 8.823 testes positivos. 

Foram 12 mortes confirmadas somente em Teresina, que chegou a 163 óbitos confirmados. As novas vítimas são cinco mulheres (65, 75, 78, 78 e 85 anos) e sete homens (40, 58, 66, 78, 80, 81 e 89 anos). 

Parnaíba chegou a 21 óbitos confirmados com as mortes do professor Pedro Rileomar Carneiro Torquato, 42 anos, e de Raimunda Caitana da Silva, 67 anos, mãe do jornalista Hilder Monção.

Luís Correia teve mais duas mortes registradas e agora soma cinco óbitos. As novas vítimas foram um homem de 85 anos e uma mulher de 48 anos. 

 

Casos confirmados
O número de 464 novos casos em um dia é o segundo maior desde o início da contagem no Piauí - o recorde é de 653 testes positivos do dia 4 de junho. 

A marca desta quarta-feira também é maior que a do dia anterior, quando foram somados 432 testes positivos, acumulados exames feitos na terça e também na segunda-feira, em razão de um curto-circuito no laboratório central.

Um bebê de oito meses está entre os casos confirmados do dia. O paciente mais velho a testar positivo tem 90 anos. 
 
Foram registrados os primeiros casos em Floresta, Monte Alegre e Paes Landim. Agora são 177 municípios que têm ou tiveram algum morador com o novo coronavírus - 79% do total do Piauí - e 62 com óbitos - 27%. 

Teresina (3.773), Parnaíba (1.110), Barras (288), Picos (251), Campo Maior (248) e Esperantina (219) acumulam dois terços dos casos de todo o Piauí. 

Situação hospitalar
Mais 19 pacientes tiveram alta hospitalar - 641 no total acumulado. 

Por outro lado, o número de internações chegou ao seu patamar mais alto: 595 leitos ocupados - eram 568 no dia anterior. 

O maior número de internações ocorreu em leitos clínicos - são 376 ocupados, enquanto eram 358 na terça-feira. 

Mais nove pacientes foram internados em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs), somando 208 leitos ocupados. Outros 11 leitos de estabilização seguem ocupados. 

Fábio Lima
[email protected]