Cidadeverde.com

Prefeitura de Esperantina adquire mil testes e amplia diagnóstico de coronavírus

Foto: Prefeitura de Esperantina

A Prefeitura de Esperantina, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, adquiriu mil novos testes rápidos para o diagnóstico da covid-19. O aumento na capacidade de realização de exames será fundamental no enfrentamento à doença no município e irá atender às necessidades do Centro de Triagem, que foi instalado para receber pacientes que apresentarem os sintomas.

Os recursos para a aquisição dos novos testes foram recebidos do Fundo Nacional de Saúde e somam mais de R$ 147 mil reais. O cidadão pode conferir mais detalhes da compra por meio do Portal da Transparência Municipal. A prefeita Vilma Amorim comenta que a compra dos testes é mais um passo estratégico para fortalecer o enfrentamento da doença no município.

 “Seguimos ampliando o diagnóstico de coronavírus em Esperantina. Essa é a segunda compra de testes que a Prefeitura fez. Dessa vez, são mil testes rápidos que vão ajudar no trabalho de prevenção e enfrentamento da Covid-19. Os testes foram adquiridos com recursos recebidos do Fundo Nacional de Saúde para enfrentamento da pandemia. Com a identificação mais ágil de novos casos, continuaremos fazendo o acompanhamento para o tratamento devido. Conto com ajuda de todos”, afirma a gestora.

 Na última segunda-feira (1º), a Prefeitura inaugurou o Centro de Triagem para suspeitos de Covid-19. Desde então, o centro disponibiliza o primeiro atendimento para quem apresentar sintomas leves a moderados da doença. De segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e de 14h às 17h, o cidadão ou cidadã pode procurar o centro, que fica localizado no Centro Municipal de Fisioterapia, R. Patriotino Lages Rebelo, ao lado do Teatro Municipal. No local, o paciente será avaliado sobre a necessidade de fazer o teste para Covid-19 de acordo com os sintomas apresentados. 

Da Redação
[email protected]
 

Esperantina: jovem morre após colisão em barranco de piçarra

Foto: reprodução redes sociais

O acidente que matou o frentista de posto de combustível, Luis Henrique Santos Lustosa, de 22 anos de idade, em Esperantina ocorreu na noite desta quinta-feira (4) por volta das 19h30,  após ele colidir de motocicleta em um barranco de piçarra na rua Euclides Ferreira Fenelon, no bairro Morro da Chapadinha Norte.

Luís Henrique estava retornando para casa quando ocorreu o acidente. A vitima foi socorrida por uma equipe do Samu da cidade de Esperantina, mas devido a gravidade dos ferimentos morreu no Hospital Estadual Doutor Júlio Hartaman.

O acidente com Luís Henrique Santos Lustosa comoveu moradores do município de Esperantina e região.

João Bandeira
[email protected]

Esperantina terá um centro de triagem para pacientes com Covid-19

Foto: Prefeitura de Esperantina

A Prefeitura de Esperantina reuniu médicos, enfermeiros e dentistas, no pátio da Ação Social Esperantinense (Asesp), nesta quarta-feira (27), para alinhar o protocolo de atendimento do Centro de Triagem para suspeitos de Covid-19.

A partir de segunda-feira (1º), o centro funcionará onde atualmente é a Clínica Municipal de Fisioterapia. A estrutura será montada com a finalidade de garantir que pessoas com sintomas leves, similares aos provocados pelo novo coronavírus, como coriza, febre e tosse, sejam atendidas com mais agilidade e sem entrada no ambiente hospitalar, destinado ao atendimento de casos graves da doença.

De acordo com a secretária de Saúde, Elizângela Amorim, até então o paciente que apresenta sintomas de Covid-19 procurava uma unidade da rede primária de saúde, como uma UBS (Unidade Básica de Saúde), para atendimento inicial. A partir de segunda-feira (1º), todo primeiro atendimento passará a acontecer no Centro de Triagem e somente depois será feito o encaminhamento devido.

“O centro de triagem fará um atendimento voltado às pessoas com suspeita de Covid-19. Será uma estrutura temporária que deve contribuir para organizar e atender a demanda com mais agilidade e segurança. É mais uma ação da Prefeitura de Esperantina para ampliar a rede de saúde durante a pandemia”, explica.

O encontro com os profissionais de saúde serviu ainda para definir o protocolo de atendimento e o fluxo de acordo com as instruções do Ministério da Saúde. “Caso o profissional de saúde não identifique quadro de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), o paciente será orientado pelos profissionais da UBS de referência quanto à necessidade de permanecer em isolamento domiciliar até o final dos sintomas”, esclarece Elizângela Amorim. 

Da Redação

[email protected]

Cidade de Esperantina ganha nova ponte na zona rural do município

Foto: Prefeitura de Esperantina

A Prefeitura de Esperantina, por meio da Secretaria Municipal de Infraestrutura, está construindo uma nova ponte na localidade Limoeiro. Antes feita com madeira, a nova obra foi projetada para execução em concreto, que dará mais firmeza e segurança aos moradores e visitantes da região. A ponte fica localizada na estrada que dá acesso às comunidades Fortaleza, Tapuio, Pedrinhas e Campestre.

Segundo a prefeita Vilma Amorim, após concluída, a obra deve minimizar o risco de inundação, que geralmente acontece no período chuvoso e dificulta o tráfego. “Estamos construindo uma nova ponte na localidade Limoeiro. A obra vai beneficiar a população, garantindo o acesso às comunidades Fortaleza, Tapuio, Pedrinhas e Campestre. A ponte será de concreto e foi projetada para oferecer segurança aos moradores e visitantes. É mais uma ação da Prefeitura para melhorar a vida dos esperantinenses”, comenta a gestora.

 De acordo com o secretário de Infraestrutura, Antônio do Vale, a recuperação da ponte faz parte de uma ação estratégica da Prefeitura para garantir a locomoção das pessoas na zona rural, principalmente após o período chuvoso. “A previsão de entrega da nova ponte está para o final deste mês de maio. Nosso trabalho, nesse momento, é de intensificar a execução de serviços como esse para garantir a manutenção das estradas rurais e o acesso às comunidades. Além do Limoeiro, a ponte na localidade Tabulheirinho está sendo concluída e a estrada da Chapada de São Miguel ao Mundo Novo foi recuperada. São ações que melhoram as condições das vias após o último período chuvoso”, esclarece. 

Da Redação
[email protected]

Covid-19:Prefeitura de Esperantina adquire novos testes rápidos

Foto: Prefeitura de Esperantina

A Prefeitura de Esperantina, por meio da Secretaria de Saúde, adquiriu mais 100 testes rápidos de Covid-19. O objetivo é ampliar ainda mais a testagem e o monitoramento dos casos suspeitos da doença no município. O investimento foi de R$ 16 mil reais. Os novos testes complementam o restante recebido pelo município por meio da Secretaria Estadual de Saúde e pelo Ministério da Saúde.

Segundo a Secretaria de Saúde, os testes continuarão sendo realizados em profissionais da saúde, que estão na linha de frente, e em cidadãos que apresentarem sintomas gripais.

“Estamos ampliando a capacidade de testagem da Covid-19 em Esperantina. O município adquiriu mais 100 testes, um investimento de R$ 16 mil. Os testes rápidos complementam os que já recebemos pelo Ministério da Saúde e pela Secretaria Estadual de Saúde. Continuaremos aplicando os testes em profissionais da saúde e em cidadãos com sintomas gripais. Em breve, faremos mais blitz de testagem rápida”, esclarece Vilma Amorim, prefeita de Esperantina.

Da Redação

redaçã[email protected]

Covid-19: Prefeitura de Esperantina realiza blitz de testagem em Mercado

Foto: Prefeitura de Esperantina

O Mercado Público Municipal de Esperantina foi o primeiro espaço a receber a blitz de testes rápidos para identificação de casos de Covid-19 em Esperantina. A ação foi realizada na manhã desta segunda-feira (18) e trata-se de uma estratégia adotada pela Prefeitura, em parceria com o Hospital Estadual Dr. Júlio Hartman, para reforço às ações de enfrentamento à pandemia no município. Cerca de 100 testes rápidos foram realizados. 

No local, os feirantes e comerciantes passaram, primeiramente, por avaliação médica, seguida do teste gratuito para Covid-19. A abordagem da blitz foi feita também com pessoas que costumam frequentar o local, sem aviso prévio à população. Os cidadãos tiveram a temperatura aferida através de um aparelho em formato de pistola e o exame realizado, in loco, a partir da amostra de sangue do paciente.

Na ocasião, são preenchidos os dados pessoais em uma ficha, incluindo o número do celular. O resultado será encaminhado até quarta-feira (20) por meio do número informado no cadastro. Se der positivo para Covid-19, o cidadão será orientado a fazer o isolamento e fará a contraprova. Toda a família também será verificada.

Foto: Prefeitura de Esperantina

A prefeita de Esperantina, Vilma Amorim, acompanhou de perto a ação. A gestora se disse satisfeita com a receptividade da população presente na primeira operação. “Seguindo todos os cuidados e orientações de saúde, disponibilizamos uma tenda para os profissionais da saúde fizessem o atendimento. O nosso objetivo é ampliar o acesso dos testes rápidos à população e promover a conscientização sobre os métodos de prevenção da Covid-19. Essa é mais uma medida que a Prefeitura está tomando. Aquela pessoa que testar positivo deverá se conscientizar e se colocar em isolamento. Com isso, o risco de contaminação de outras pessoas será muito menor. Foi muito satisfatório e vamos continuar fazendo esse tipo de ação”, afirma a gestora. 

De acordo com a secretária municipal de Saúde, Elizângela Amorim, os profissionais da saúde receberam um treinamento para realizar a ação. Além disso, a Prefeitura garantiu todos os equipamentos de proteção individual, no intuito de evitar possível transmissão da Covid-19. 

“Com a ampliação das testagens, os casos suspeitos e confirmados devem aumentar, mas é importante ter a informação mais próxima da realidade. É importante reafirmar também que quanto maior for o nosso compromisso com a prevenção, melhor para todos. Nossos profissionais da saúde estão preparados para o atendimento”, comenta.

Da Redação
[email protected]

Rios começam a baixar na região Norte; Esperantina tem 600 pessoas afetadas

  • prefeitura_esperantina_casas.jpg Prefeitura de Esperantina
  • esperantina_chuva_alagada.jpg Prefeitura de Esperantina
  • esperantina_casa.jpg Prefeitura de Esperantina
  • esperantina_ascom.jpg Prefeitura de Esperantina
  • esperantina_ascom_alagados.jpg Prefeitura de Esperantina
  • esperantina_alagado.jpg Prefeitura de Esperantina

Os rios Marathaoan e Longá começaram a baixar, mas ainda estão acima da cota de inundação nas cidades de Barras e Esperantina. Segundo boletim divulgado na tarde desta sexta-feira (13) pela Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM), em Barras o nível é de 5,07 metros. Já em Esperantina, o Longá chegou a 8,32 metros. 

Em Esperantina, cerca de 600 pessoas foram afetadas. Na zona Rural, segundo a Secretaria de Assistência Social, 24 famílias estão ilhadas. "O rio está esvaziando de forma lenta, mas está. Através de canoas a gente chega na zona Rural para fazer o monitoramento", informou a secretária de Assistencia Social de Esperantina, Regina Silva.

Os dados divulgados pela secretária apontam 17 família em abrigos, 30 famílias em casas alugadas ou de familiares, 90 famílias afetadas, mas que não saíram de casa, além das 24 famílias isoladas na zona rural.

"Quem está no abrigo a prefeitura está mandando café, almoço e janta. A Defesa Civil já nos informou que está mandando cestas para atender as outras famílias", informou a secretária.

Em Barras foram feitas 82 remoções, sendo 17 para abrigos públicos, uma para aluguel social, 65 para o família acolhedora.

Hérlon Moraes
[email protected]

Rios Marataoan e Longá se aproximam da cota de inundação em Barras e Esperantina

Os rios Marataoan e Longá, que banham as cidades de Barras e Esperantina, respectivamente, estão próximos de atingir a cota de inundação. Os dados são do boletim divulgado neste domingo (8) pela Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM).

Em Barras, o rio Marataoan deve atingir nas próximas horas 4,01 metros. O nível de inundação é de 4,20 metros, segundo a CPRM.

A situação é mais complicada em Esperantina. Lá, o rio Longá deve chegar nas próximas horas a 7,19 metros, pouco abaixo da cota de transbordamento, que é de 7,40 metros.

A CPRM orienta que todos os órgão competentes continuem com as medidas adequadas de prevenção e minimização de prejuízos, mantendo suas equipes em estado de prontidão.

Hérlon Moraes
[email protected]

Prefeitura de Esperantina assina convênio com a PM para reforço na segurança pública

Foto: Ascom Prefeitura de Esperantina

A prefeitura de Esperantina assinou um convênio com o Governo do Estado, por meio da Polícia Militar do Piauí, visando a preservação e manutenção da ordem pública no município. A assinatura ocorreu durante a cerimônia militar de comemoração do 45º aniversário da 4ª Companhia de Polícia Militar do Piauí, do 12º Batalhão, nessa quinta-feira (27).

“Aproveitamos essa importante solenidade para assinar o termo de convênio celebrado entre a Prefeitura e a Polícia Militar, que irá aperfeiçoar os serviços de segurança na cidade. O documento prevê o planejamento, execução e fiscalização do policiamento ostensivo por meio de rondas preventivas e atendimento de ocorrências”, explica Vilma Amorim.

A solenidade contou com o hasteamento das bandeiras, execução dos hinos e com a marcha da Companhia. Além disso, a prefeita Vilma Amorim e outras personalidades foram agraciadas com o certificado “Amigo da Polícia”, que valoriza aquelas pessoas que colaboram para o trabalho da PM.

“Ainda fui agraciada com o certificado de 'Amiga da Polícia', em reconhecimento pelo nosso compromisso com a manutenção da ordem pública. A Polícia Militar cumpre importante papel na redução dos índices de criminalidade e contribui na segurança da população. Obrigada a todos que fazem a PM de Esperantina cada vez mais forte e altiva”, agradece a prefeita de Esperantina.

Também estavam na solenidade o tenente-coronel Erisvaldo Viana, comandante do 12º Batalhão de Polícia; do comandante da 4ª Companhia, capitão Ângelo Alves; advogado Carlos Júnior, presidente da subseção da OAB-Barras; prefeita de São João do Arraial, Vilma Lima; comandantes dos Grupamentos da Polícia Militar (GPM) da região; vereadores Domingos Luiz (PRB) e Manoel Filho (PT); do Promotor Raimundo Martins Ribeiro Filho e sociedade civil.

 

[email protected]

MPPI pede execução de multa provisória contra o município de Esperantina por descumprimento de liminar

Foto: revistaaz

O Ministério Público do Estado do Piauí (MPPI), por meio da 2ª Promotoria de Justiça de Esperantina, requereu, por meio de petição inicial, a execução provisória de multa em desfavor do município de Esperantina, representado pela prefeita Vilma Carvalho Amorim, por descumprimento de liminar para a reforma do Teatro Municipal Diniz Chaves, que se encontra em ruínas, oferecendo risco à população pela possibilidade de desabamento e ser utilizado para práticas criminosas.

Por este motivo, em 2019, foi ajuizada uma ação civil pública pelo MPPI contra o município, com pedido de liminar, a fim de que a reforma fosse realizada. Ainda no mesmo ano, a liminar foi deferida e, apesar de devidamente citado, o município seguiu descumprindo a decisão, razão pela qual foi requerida a execução provisória de multa pelo promotor de Justiça, Adriano Fontenele Santos, titular da 2ª Promotoria de Justiça. 

"Considerando que o desrespeito à decisão judicial ocorre desde 20 de janeiro de 2020 até a presente data, a demandada deverá ser penalizada, até o momento, em R$ 31.000, sem prejuízo de novo cálculo do débito, considerando-se até a data da efetiva interrupção das intervenções indevidas", explica o promotor.

O MPPI ainda solicita a comprovação do reparo da irregularidade, com isolamento da área, sob pena de prosseguimento da execução em relação aos valores extras. Não ocorrendo o depósito voluntário no prazo fixado, deverá haver aplicação de multa de 10% sobre o valor do débito atualizado e a utilização do sistema BACENJUD para realizar a expropriação dos valores devidos, ambos em caráter pessoal à Prefeita do Município de Esperantina.

 A decisão

Proferida pela Vara Única da Comarca de Esperantina, a decisão deferiu tutela provisória de urgência para determinar que o Município de Esperantina realizasse a imediata tapagem e isolamento do Teatro Municipal, de modo a impedir a passagem de transeuntes sob a área descrita em Relatório de Vistoria, em razão do iminente risco de queda de revestimento de argamassa. Além disso, o município deveria apresentar projeto de reparos e manutenções, no prazo de 45 dias.

A decisão fixou multa diária de R$ 1.000, até o limite de 90 dias, em caso de descumprimento. 

Da Redação
[email protected]

Posts anteriores