Cidadeverde.com
Esporte

Após quase 3 horas de jogo, tenista do Rio vai às semifinais de 14 anos

Imprimir
Após 2h40 de uma disputa acirrada, o atleta Bernardo Neves, do Rio de Janeiro, venceu o paranaense Vitor Laporte com parciais 6x4, 4x6 e 6x5, no Cidade Verde Juniors Cup. A partida, que definiu a última vaga para as semifinais da categoria 14 anos, iniciou às 10h deste domingo (20) e só terminou às 12h40.

Fotos: Raoni Barbosa/Revista Cidade Verde

“Eu comecei bem no primeiro set, mas no segundo ele veio com tudo e eu estava um pouco cansado. No último o braço tava meio travado mas consegui me impor nos pontos mais importantes e acabei jogando melhor”, descreve Bernardo, que mora no Rio, mas sempre viaja para competir em outros estados como São Paulo, Paraná e Minas Gerais. Em sua primeira vez no Piauí, ele elogiou o Cidade Verde Juniors Cup. “Está tudo muito legal”. 

Laporte, que venceu o piauiense Lucas Almeida em sua primeira partida, chegou às quartas-de-final ao bater Bruno Calheiros. “Eu procurei fazer o meu jogo e pegar firme na bola. Nos momentos importantes eu acabei errando bolas que não era pra errar. Mas foi uma boa partida”, avaliou. 

Vagas
As outras partidas que definiram os semifinalistas da categoria ocorreram no meio da manhã. Na primeira delas, o paulista Felipe Carvalho acabou vencendo o pernambucano Danilo Ito por 6x0 e 6x3. A diferença de estatura entre os dois foi crucial. “Eu tenho 13 anos e um metro e oitenta e cinco. Então é mais fácil sacar, ver a linha da rede. Entrei no jogo confiante e busquei sempre jogar na esquerda dele e atacar forte”, descreve. 

Danilo Ito, que venceu o piauiense Teodoro Correia em seu primeiro jogo, falou da dificuldade de enfrentar o adversário. “Ele consegue pegar as bolas altas e jogar para baixo. A diferença de altura acaba prevalecendo”, avaliou. 


Armando Ferreira


Leonardo Correia

No outro jogo, o goiano Armando Ferreira bateu Leonardo Correia, do Rio de Janeiro, por 6x1 e 6x2. “Foi bem cansativo, mas consegui colocar a bola na quadra. Consegui encaixar bons top spins e back hands e me mantive mais agressivo”, disse o atleta do Minassul.


Armando (camisa laranja) e Leonardo conferindo local da bola

Na outra partida, um jogo entre amigos paulistas terminou com a vitória de Alec Yokochi sobre Gabriel da Silva, por 6x4, 6x4. Durante o último set, Gabriel chegou a ser atendido em quadra, ao reclamar de dores nas costas. “Comecei a sentir no jogo. Foi uma partida boa, mas eu errei muito”, lamentou o tenista. 


Gabriel sendo atendido pelo fisioterapeuta

Alec diz que venceu porque estava mais focado. “Estava mais no fundo da quadra evitando os slices e procurei não me afobar, nem bobear, pensando apenas no próximo ponto”, descreve. Os dois jogam no mesmo clube, Tie Break. 


Alec Yokochi 

Carlos Lustosa Filho

Imprimir