Cidadeverde.com
Esporte

Guerra ao doping! Lyoto, Lesnar e Jon Jones são retirados do ranking do UFC

Imprimir

Jon Jones ainda será julgado pelo flagra no exame antidoping revelado em julho. As punições estão cada vez maiores e mais claras. Além da possibilidade de suspensão de dois anos após um flagra em um exame antidoping, os lutadores do UFC também são automaticamente retirados do ranking oficial do evento. E essa regra se fez bem clara nesta terça-feira (9), quando três ex-campeões foram expulsos da seleta lista.

Brock Lesnar, Jon Jones e Lyoto Machida já não aparecem mais no ranking de suas categorias, respectivamente peso-pesado, meio-pesado (93 kg) e peso-médio (84 kg), e não devem voltar tão cedo, já que sequer foram julgados ainda pela USADA (agência de controle antidopagem no UFC).

Flagrado em abril, o que lhe custou uma luta diante de Dan Henderson, Lyoto assumiu ter usado uma substância proibida e alegou que não sabia do banimento do suplemento que ingeriu. Por sua vez, Jon Jones, retirado do card do UFC 200 dias antes do confronto contra Daniel Cormier, alegou inocência e prometeu fazer testes para provar o uso de um suplemento contaminado.

Já o peso-pesado Lesnar foi o único da lista que se apresentou no cage e só viu o resultado do teste dias depois do show de número 200. Na ocasião, ele venceu Mark Hunt por pontos e desde então não se pronunciou oficialmente sobre o ocorrido.


Fonte: Agência Fight

Imprimir