Cidadeverde.com
Esporte

O empate do Brasil e da imprensa com a Bolívia

Imprimir
A chamada grande imprensa esportiva Brasileira não toma jeito mesmo. Bastou o Brasil vencer o Chile por 3 x 0 para os homens de rádio, jornal e TV voltarem a fazer afirmações como estas:

- O Brasil tem o melhor Futebol do mundo.

- Esta seleção tem a cara do Brasil.

- Os malabaristas Brasileiros.

- Robinho e Ronaldinho Gaúcho são popstar.

Foi um tal de rasgar elogios de fazer nojo. Quando o Brasil vence em qualquer competição o ufanismo toma conta de todos. Aliás, para essa turma o Brasil:

- Não vence. Massacra.

-Não derrota o adversário. O Brasil arrasa.

- Brasileiro não corre. Brasileiro voa.

- Brasileiro não vence o adversário. Brasileiro atropela.

O Brasil derrotou o Chile por 3 x 0, e ninguém fez uma avaliação do desempenho do escrete Chileno que , simplesmente teve uma postura de peladeiros no Estádio Nacional de Santiago. O Chile teve uma defesa escancarada, pedindo para tomar gols. Os "torcedores" só viram o Brasil fantástico, arrasador.

Veio o jogo com a Bolívia e já anunciaram a goleada. Seria mais um show de bola de Ronaldinho, Robinho & Cia. Consumado o fracasso com o empate de 0 x 0, simplesmente esses profissionais de imprensa esportiva aparecem com as mesmas explicações e desculpas de sempre:

- A Bolívia não deixou o Brasil jogar.

- Dunga errou na escalação. Deveria ter mudado bem mais cedo, demorou a mudar.

As mesmas besteiras de sempre. E não dizem as verdades sobre o desempenho de jogadores mascarados, vaidosos e medíocres. A grande preocupação desses profissionais de imprensa esportiva esta voltada para a promoção de suas transmissões. Popstar da Seleção ganha elogios enormes até na simples cobrança de um arremesso lateral. É uma vergonha.. Pensam que tudo mundo é burro; pensam que estão falando apenas para os analfabetos.

Com esse comportamento ridículo, eles ajudaram a dupla Fla Flu a perder a Taça Libertadores da América em pleno Maracanã para o América do Méxicoe para a LDU do equador.

Se o Brasil ganhar da Venezuela dia 12.10, o povo voltará a ser enganado e os "gênios" voltarão a ser tratados como os maiores do mundo.

E os nossos "gênios" são imbatíveis em reza no campo de jogo, em desfile de moda pelos gramados e em samba. Quando descem do ônibus parece até que está chegando a bateria da escola de samba campeã.


Dídimo de Castro
Tags:
Imprimir