Cidadeverde.com
Política

Osmar Júnior diz que PC do B aposta na formação de um bloco para 2018

Imprimir
  • cd792912-8468-44f7-8968-06228dfa1693.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • add20a3c-cc3f-462e-a97c-b0fb37bc3df4.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • ac823823-f28e-4f4f-b848-1e7068540aae.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 94017676-92c5-4167-bd4a-ac01fcccdb75.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 76df450c-63a4-48c9-8d10-5c9102cb51d5.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 71da26b2-8e8f-4096-bf97-4c885ee11af8.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 70b28878-15fb-4f0e-8b88-7e493c6be5d4.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 16dbc6cd-b710-4910-b402-522be3bfdfa0.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 9acee5c2-01e5-489a-8a91-ea018b132c51.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 003dfa09-35c3-4e3c-969e-5efa42b3f882.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 2a52fc1b-d26e-46d2-a7db-969b05822e3a.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 0c2338c2-6b22-4b60-b19e-ddefc1136b04.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com

Na sessão solene em homenagem aos 95 anos do PC do B na Câmara de Teresina, o presidente estadual do partido, Osmar Júnior, afirmou que a estratégia para as próximas eleições é apresentar um candidato forte ou formar um bloco com um conjunto de candidatos para concorrerem em uma chapa majoritária em 2018.

Osmar Júnior disse que ainda é cedo para definições e que tem preferência por um nome, o qual não quis revelar. Ele acrescentou que ele tem que corresponder aos princípios da sigla, de luta pela manutenção da democracia, pelo retorno à capacidade de desenvolvimento econômico do país e pela manutenção da política de combate à desigualdade.

“Não podemos aceitar o retrocesso, temos que trabalhar para que o país se desenvolva. [...] Temos que fazer um grande pacto político pelo menos com uma parcela deles, para que eles se comprometam também com esses programas e ideologias do partido”.

Osmar Júnior não falou se seria candidato em 2018, preferiu dizer que ainda é muito cedo para uma definição sobre isso.

Sobre o aniversário do PC do B, ele destacou que o partido deve comemorar, pois foi responsável por muitas lutas sociais no país. Durante a sessão, houve munita manifestação dos filiados que compunham a mesa pedindo "Fora, Temer".

 

Lyza Freitas
[email protected]

Imprimir