Cidadeverde.com
Política

Pastor Gouveia recebe título de cidadão piauiense por trabalho na Casa do Oleiro

Imprimir
  • f7f525e9-c71a-432f-9fe5-797773acac45.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • ebbea5ff-979e-4f09-b073-7d153b3cf308.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • eb6816ba-6ec5-488f-a027-1777683ea4cb.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • d62454e3-311f-4438-a695-46b98ca3f001.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • bf40d6f7-e631-425f-9975-fb8f8eec256a.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • af19c625-2531-4411-9b51-af79848e28da.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • a1457de3-7ea5-490b-97fa-0fe940ac0187.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • a09b2c22-4105-4097-b168-ce99a3f3abf7.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • a1cb33c1-c9ca-4b23-99a1-2f44aee36284.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 9531fac0-cf8e-40ff-b955-b7701b36cc65.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 7122c11b-017d-465d-90b2-f7d45cb8f378.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 5235b80f-2b44-4685-856b-f3a164fc5ff0.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 2406e7d0-5fcc-49e5-a497-c26f63c58d4e.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 1587a9b3-7342-47f6-9353-635769b002aa.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 1194dab0-97d5-4801-870a-5e8d8fb9cc3c.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 931cdc7a-6147-491a-90f1-bbb70adf474c.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 552fd977-868c-4fc0-9458-a2602dd25983.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 515d5cae-601e-4794-856f-5e8eb92a03d8.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 323c89ed-d3b5-410e-8f03-255c636d8f35.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 296c7c6b-86f1-4232-a67e-760b1869b391.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 65b44870-72c6-4564-b4f2-1c7f7d2ba933.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 41a03cff-d50a-435a-a2f3-76723c6865cd.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 21fd3578-5a99-4a3b-8198-83f62d6f45bf.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 8df13c5c-8d20-4abd-b87d-dfd5b41f1f08.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 5e040b67-6a8e-41cd-89bc-9734078b445c.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 5a91b2a6-1194-4240-87be-1fdb00f33a0c.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 3e20ee59-eedf-4509-bafe-fdfc862f6dbe.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com

Recebeu o título de cidadão piauiense, nesta quinta, na Assembleia Legislativa do Piauí, o pastor José Gouveia de Oliveira, 49 anos, por todo o trabalho social que desempenha a frente da Casa do Oleiro, instituição que trata de pessoas dependentes de álcool e drogas. Ele é natura do Pará. 

Atualmente, a Casa do Oleiro atende mais de 200 mulheres e homens, incluindo adolescentes. Eles ficam hospedadas no local durante um período mínimo de seis meses para a realização de um tratamento - com acompanhamento religioso - contra o uso de álcool e entorpecentes.

O pastor José Gouveia comentou que a maioria dos dependentes conseguem ser ressocialização.  Ele também já dependente químico, por 24 anos, quando começou um tratamento no projeto Resgate em Imperatriz, no Maranhão.

"Eu sou muito grato a Deus por conseguir desempenhar esse trabalho na Casa do Oleiro porque na vida a gente tem a possibilidade de avançar e, com esse trabalho, nós podemos ajudar pessoas que necessitam. Eu me sinto com a responsabilidade redobrada recebendo esse título, nem sei se mereço, mas o fato é que ele me incentiva a continuar desenvolvendo esse projeto, que é um ambiente fértil para o trabalho". 

Toda a família do pastor está envolvida com esse projeto. A homenagem foi proposta pelo deputado Francis Lopes (PRP), que destacou o trabalho desempenhado pelo pastor: "é magnífico", diz o deputado.

"Ao conhecer o trabalho da  Casa mais de perto, que é um trabalho integrado pude ver que é comovente. O qual ele se dedica junto com a sua família para reintegrar essas pessoas à sociedade, com uma formação de caráter espiritual, pois lá eles ensinam a bíblia", comentou Francis Lopes.

Para o deputado,  o índice de reincidência no uso de drogas dos internos atendidos na instituição é um dos menores do Brasil.  Ele disse ainda que um dos objetivos do pastos é expandir o projeto para o sul do Piauí, ampliando o atendimento aos adolescentes. 

 

Flash Lyza Freitas
[email protected] 

Imprimir