Cidadeverde.com
Política

Governador recebe 40 prefeitos do PP e reforça parceria com o partido

Imprimir
  • ciro3.jpg Divulgação
  • ciro5.jpg Divulgação
  • ciro4.jpg Divulgação
  • ciro2.jpg Divulgação
  • ciro1.jpg Divulgação

O governador Wellington Dias (PT) se reuniu na tarde desta segunda-feira (8) com 40 prefeitos do PP e reforçou, durante o encontro, a parceria com o Partido Progressista. Os gestores foram atendidos um a um pelo governador em seu escritório na residência oficial. As audiências foram acompanhas de perto pelo senador Ciro Nogueira, presidente nacional da sigla, e líderes como o presidente estadual do partido, deputado estadual Júlio Arcoverde e a vice governadora Margarete Coelho.

“Tenham o nosso governo como parceiro. O PP é parte do nosso governo. A melhor forma de fortalecer é nos municípios”, disse Wellington.

O governador prometeu ajudar os municípios em ações na área de saúde, urbanização e na retomada de obras.

“Terminou a Unidade Básica de Saúde, não tem equipamento? Vamos garantir os equipamentos. Precisa de ambulância? Tem tido ai certa lentidão por conta das fábricas, mas vamos atender. Em relação às obras, as mais caras são as que ficam pelo caminho, independente do governo. Temos interesse de ajudar a terminar obras. Com contratos de financiamentos podemos ver outras demandas como calçamentos e asfaltamento urbano. Estamos trabalhando e vendo como a gente vai dando conta para ter alguma coisa em andamento em casa município”, declarou.

Wellington Dias fez questão de frisar que não quer seu nome envolvido em questões políticas locais e que sempre busca ser correto em suas ações. “As vezes, em nível local, acontecem divergências, posições entre os lideres. Só não me metam no meio das confusões locais. Eu sempre procuro buscar ser correto nas minhas ações”, disse, arrancando risos dos gestores.

E por falar em lideranças, o governador não poupou elogios ao senador Ciro Nogueira. O chamou de parceiro importante no relacionamento com o governo federal e Congresso Nacional. “O Ciro é um parceiro importante que contribui para essa integração das ações federais, com o Estado e o Congresso Nacional e também nossa vice”, afirmou, destacando os desafios do Piauí.

“Estamos em um barco chamado Brasil e precisamos lidar com a conjuntura. Temos um plano de ações de obras estratégicas. A prioridade é centrar naquilo que tem convênio com a União para que a gente possa fazer acontecer obras de estradas, centro de convenções, saneamento, pontes, enfim”, concluiu.

Hérlon Moraes
[email protected]

Imprimir