Cidadeverde.com
Últimas

Solo português 'Última Chamada' em última apresentação em Teresina

Imprimir

Dando continuidade a terceira edição do projeto Mapas do Corpo, o coreógrafo Rafael Alvarez apresenta ?Última Chamada? nesta sexta, às 20h no Teatro Municipal João Paulo II, seguido de bate-papo aberto ao público. Viabilizado através de parceria com o Instituto Camões, de Portugal, o solo expõe imagens e ações em trânsito utilizando uma coleção de objetos pessoais inscritos no espaço através de uma acumulação de percursos.  

?Este é para mim um trabalho muito pessoal, mas que pela sua carga visual é algo hipnótico, dando a possibilidade a cada espectador de construir seus sentidos, de narrar para si próprio uma história, uma sucessão de episódios ou apenas colecionar as imagens que ficam no palco?, refletiu Rafael.  

Segundo o coreógrafo, a idéia e vontade de criar ?Última Chamada? surgiu com a decisão de interromper alguns projetos cujas dimensões deixavam pouco tempo para pesquisa e aprofundamento de tarefas mais pessoais. ?Foi um momento de olhar para trás e refletir sobre o trabalho que tinha desenvolvido com a dança desde 1997, e também de pensar que caminho gostaria de seguir no futuro?, lembra.  

Durante este período de certa liberdade e flexibilidade criativa, Rafael começou a viajar mais intensamente e trabalhar em áreas paralelas à coreografia. Em uma de suas viagens à França, ele encontrou uma mala vintage no meio da rua e a guardou. ?A partir deste achado fui desenvolvendo uma coleção mental de outros objetos que instantaneamente criaram um sentido na minha cabeça e simbolicamente se associaram a episódios/histórias específicas que se encadeavam naquele período?, explicou Rafael.  

Aliando esta série de objetos à vontade de trabalhar dentro de seu universo coreográfico uma possibilidade do movimento ser percebível e entendido no palco além dos aspectos formais da dança, Rafael concluiu ?Última Chamada? em 2006 na EIRA (estrutura de produção e estúdio) e estreou no Número Festival, em Lisboa. 

Indicado para maiores de 12 anos, ?Última Chamada? constitui a primeira parte de uma trilogia seguida com ?Coleção Privada? e que será concluída em 2009. Após a apresentação, Rafael participa de bate-papo onde irá partilhar seu processo de trabalho e metodologias exploradas no solo.  

Em sua terceira edição, o projeto Mapas do Corpo - de caráter trimestral, segue até segunda-feira, 29, com palestras, workshops, discussões, lançamento de livro e espetáculos, sempre buscando fomentar formas de diálogo com a comunidade e intermediar ações da arte contemporânea.

Tags:
Imprimir