Cidadeverde.com
Geral

Polícia investiga dois suspeitos do assassinato de advogado no Saci

Imprimir

A Delegacia de Homicídios já investiga dois suspeitos de terem assassinado o advogado Ozires de Castro Machado Neto, 28 anos, na segunda-feira, 11, quando ele chegava ao bairro Saci, zona Sul de Teresina, onde reside. As diligências encontraram outro projétil dentro do carro, além do que atingiu a vítima.

O caso passou a ser investigado pelo delegado Franscisco Barêtta nessa terça-feira, 12. Quando foram iniciadas as diligências para o levantamento preliminar. “Dois homens estão sendo investigados. Depois do crime contra o advogado, eles roubaram uma moto, que foi abandonada logo depois e seguiram em um carro”.

A moto foi encontrada logo depois pela polícia, após a proprietária prestar queixa. Porém, não foram realizados os procedimentos de investigação necessários, segundo o delegado Barêtta. “A polícia não descarta nenhuma possibilidade até agora, mas pelas características do crime, foi roubo seguido de morte”, disse Barêtta.

O local do crime, Quadra 23, Casa 17, mesma rua da Escola Moacir Madeira Campos, é uma área onde ocorrem muitos assaltos. Momentos antes do crime, os dois suspeitos estavam em cima de um muro, analisando a situação e esperavam possíveis vítimas.

Ozires de Castro Machado era auxiliar jurídico do juiz da cidade de Santa Quitéria, no Maranhão. Ele morreu com um tiro na cabeça que transfixou o crânio. A vítima ainda chegou  ser levada para o Hospital de Urgências de Teresina (HUT), mas faleceu no dia seguinte ao ocorrido.. 

 

Flash Cintia Lucas (Especial para o Cidadeverde.com)

redacao@cidadeverde.com

Imprimir