Cidadeverde.com
Últimas

Advogado tenta escapar de assalto e é baleado com dois tiros no Saci

Imprimir

Atualizada às 10h50

Um advogado foi baleado ao tentar escapar de um assalto no bairro Saci, zona Sul de Teresina. A vítima estava em um carro e ainda tentou fazer uma manobra para fugir, mas foi alvejado a tiros. O momento foi registrado por câmeras de segurança. Ozires de Castro Machado Neto, 28 anos, teve uma parada cardiorrespiratória e morreu na manhã de hoje(12) no Hospital de Urgências de Teresina (HUT). 

As imagens não são nítidas. Contudo, é possível visualizar que um dos criminosos se aproxima do carro no lado do motorista e, em seguida, sai correndo com um comparsa.  O caso ocorreu na noite desta segunda-feira (11). 

"A gente estava saindo do colégio. Eles (bandidos) estavam a pé, pularam um muro e foram assaltar. A vítima reagiu e deram dois disparos", conta o estudante Brenno Wallace. O crime foi registrado próximo a Unidade Escolar Moacy Madeira Campos.

Ozires de Castro Machado Neto foi atingido com dois tiros e encaminhado em estado gravíssimo para o Hospital de Urgência de Teresina (HUT). A bala transfixou a base do crânio, provocando um traumatismo craniano grave, o que não deu condições cirúrgicas. A morte por paradacardiorrespiratória ocorreu por volta das 10h desta terça. 

Após os disparos, os criminosos correram, roubaram a motocicleta de uma mulher e seguiram em direção a avenida Maranhão, situada na mesma zona. Ainda não há pistas sobre os bandidos.

Morte cerebral

De acordo com a assessoria do HUT, o paciente foi sedado assim que chegou, mas ao ser examinado pela equipe médica levantou-se a suspeita de morte cerebral. A sedação foi suspensa e estavam aguardando o prazo de 24 horas para realizar os testes de confirmação da suspeita para então abrir o protocolo. No entanto, antes disso ele teve uma parada cardiorrespiratória. 

O corpo será encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML).

 

Graciane Sousa
gracianesousa@cidadeverde.com

Imprimir