Cidadeverde.com
Cidades

Sem segurança, prefeito de Redenção denuncia risco de mortes na cidade

Imprimir

O prefeito de Redenção do Gurgueia, Ângelo Sena, o doutor Macaxeira (PHS) denunciou nesta quinta-feira (12) o risco de assassinatos na cidade, devido a falta de segurança. 

O feriado de hoje, o município amanheceu com um clima de insegurança, devido a rixa entre desafetos. Quatro  moradores foram baleados e esfaqueados e pessoas estão andando na rua armadas e fazendo novas ameaças de morte. 

Segundo o prefeito, a cidade tem cerca de 9 mil habitantes e só conta com um único policial de plantão e não pode sair da delegacia. Ângelo Sena disse que já solicitou por duas vezes providências da Secretaria de Segurança Pública e por três vezes esteve pessoalmente no comando da Polícia Militar em Teresina pedindo reforço de policiais.

"O clima é de total insegurança e nossa preocupação é que a população está se armando e pode haver mortes na cidade. Peço novamente providência da Secretaria de Segurança antes que aconteça uma tragédia no município", adverte o prefeito.

Há quatro meses, um preso foi morto dentro da delegacia de Redenção, devido a falta de policiais. 

 "Estamos sem policiais. Teve uma briga na cidade que começou numa rua e agora está em várias outras ruas. Estou agora no hospital acompanhando os feridos e há risco de desafetos invadirem o hospital", denuncia o prefeito.

Ele contou ainda que tem crescido o número de invasões e assaltos as escolas públicas no município.

"Já fui em Bom Jesus pedir mais reforço de segurança, mas nenhuma solução foi dada. Estou agora com três pessoas feridas e a cidade com medo", reclamou o prefeito. 

 

Da Redação
redacao@cidadeverde.com

Imprimir