Cidadeverde.com
Política

Sílvio diz que crise reduzirá gastos, mas anuncia concurso

Imprimir
O prefeito Silvio Mendes (PSDB) desembarcou hoje (16) por volta de 12h30 em Teresina e afirmou que a crise mundial das bolsas pode reduzir os gastos do município. O prefeito retornou de Minas Gerais onde foi observar exemplos da gestão do seu co-partidário o governador Aécio Neves.
 

“Vamos diminuir despesas para que o equilíbrio financeiro, e pode-se reduzir gastos. É preciso ter cautela. O que tem certo é que o crescimento do Brasil em comparação aos países mais ricos, vai crescer menos. Isso tem reflexo na cidade e o Fundo de Participação do Municípios com certeza vai cair”, afirmou o prefeito.

Mesmo com a crise econômica, o prefeito garantiu que os R$ 154 milhões de reais reservados para projetos em Teresina serão mantidos. Ele citou que o projeto Lagoas do Norte, por exemplo, teve um incremento de R$ 15 milhões com o aumento do dólar.

CONCURSO
O prefeito garantiu que será realizado concurso público até o final do ano. Segundo ele, as vagas são principal para a área de Administração, Social (assistente social), Saúde. Segundo ele, o orçamento encaminhado a Câmara de Teresina, para gastos em 2009, é de R$ 1 bilhão e 88 mil reais.

Nova gestão
Durante a viagem para Minas Gerais, Silvio Mendes teve acesso ao modelo de cumprimento de metas e avaliação adotado pelo governador Aécio Neves o qual pretende implantar em Teresina. Uma das propostas é dar incentivo, como gratificações em dinheiro aos servidores que atingirem as metas.  Objetivo é diminuir custos, aumentar receita e melhorar a prestação de serviço à população. Dentre as metas para Educação e Saúde estão aumentar o número de vagas na pré-escola e a construção de mais um hospital na região do grande Dirceu.

 
Flash de Yala Sena
redigido por Carlos Lustosa Filho
Tags:
Imprimir