Cidadeverde.com
Geral

JEBs: após confusão, ônibus são trocados e atletas embarcam

Imprimir
  • df7bbc45-97de-4d87-8b92-c9671e0c0e22.jpg
  • dee0b4c9-9678-4a7c-ba56-ce8a5fc7c7b4.jpg
  • d3210652-e41d-402a-bba6-d92ff8472535.jpg
  • 860cb5a3-7adc-4d15-abd1-a1b4ae11cca0.jpg
  • 7ad173f1-e424-4b7d-ac47-686ddac61fa3.jpg
  • 3fda3de3-e401-42e8-9f6b-60f6e95d2613.jpg
  • 0aa85159-702c-4590-9f87-410fc7832c4b.jpg
  • veculo.jpg
  • fdd28aec-8183-446c-9ca9-45826ef36016_1.jpg
  • f9138701-e3d1-4fa9-b34e-f3b75a13f46f_1.jpg
  • d91208d8-b211-4965-99b6-561af0f1f60d_1.jpg
  • ac7d536e-517c-47b4-80c7-aec1e9ce5fbf.jpg
  • 4206c18b-b597-4293-921d-5afcd4ebf155_1.jpg
  • 9b934520-c62a-428e-b4eb-a343b89d64ac.jpg
  • 9a38c23e-9e35-4db7-96ce-b1e61c8e1692.jpg

Atualizada às 12h31

Após toda a polêmica, o chefe da delegação do Piauí nos Jogos Escolares da Juventude 2017, Manoel Batista, confirmou que conseguiu dois ônibus “novos e iguais” para embarcar os atletas, técnicos e dirigentes para a participação nas modalidades coletivas. 

Segundo ele, os ônibus são da “Transferraz” e que fotos já foram disponibilizadas para os pais. “Nós vamos embarcar às 18h e se conseguirmos agilizar as paradas chegamos em Brasília por volta das 19 horas, uma hora antes de encerrar o credenciamento. Mas, já pedimos a prorrogação para que tudo aconteça dentro da normalidade”, destacou. 

A funcionária pública Rita Danielle, mãe de uma atleta, disse que foi informada da mudança, mas que novamente irá vistoriar os ônibus, às 18 horas no embarque. “Mas primeiro vamos ver as condições dos ônibus”, ressalta. 

As delegações embarcaram do estacionamento da Ponte Estaiada. 

Estudantes embarcaram por volta das 18h30

Matéria original

Os estudantes de quatro modalidades, que deveriam embarcar neste domingo (19) para os Jogos Escolares da Juventude em Brasília (DF), foram impedidos de viajar pelas condições dos ônibus locados. Eles permanecem debaixo da Ponte Estaiada, na avenida Raul Lopes, zona Leste de Teresina.  

Os pais reclamam que um dos ônibus não tem cintos de segurança e que está com a calha de um dos pneus danificada. Uma das mães relata que os ônibus estão “sucateados” e teriam sido “contratados em cima da hora”. 

“Quando cheguei para embarcar minha filha, eu custei acreditar que era naquele ônibus que eles iriam viajar. Quando vi os técnicos entrando no ônibus eu fui lá para pegar informação e vi que não tinha cinto de segurança, uma fiação exposta no painel do motorista e a fechadura da porta dele como se tivesse sido arrombada. Comecei a reclamar, porque aquele ônibus não tinha condições de fazer uma viagem com uma distância dessas”, declarou Ritta Danielle, mãe de uma atleta de 15 anos do time de voleibol. 

Ela reclama ainda que os estudantes da delegação de esportes individuais saíram na semana passada em ônibus da empresa e os da segunda delegação iam a ônibus de qualidade inferior. 

“A delegação dos esportes individuais foi de Miracéu e as dos esportes coletivos vão de Roma e Tonys Tur, que foi a do ônibus que tirei as fotos. Como é que tem dinheiro para pagar Miracéu na primeira delegação e não tem na segunda? A era para ter realizado isso há muito tempo, assim como foi feito como feito”, questiona que acrescenta que se não for resolvido, o Piauí ficará sem representação nos Jogos. 
 
Os atletas são do Basquete, Handebol, Vôlei e Futsal feminino. A delegação possui 96 pessoas entre técnicos, dirigentes e atletas. Os Jogos Escolares da Juventude 2017, etapa de 15 a 17 anos, iniciaram na última sexta(17). 

De acordo com o chefe da delegação da Fundação dos Esportes do Piauí (Fundespi), Manoel Batista, os dois ônibus eram para ter saído às 8 horas deste domingo, mas com o protesto dos pais, uma nova previsão é às 12 horas. 

“Estamos aguardando a empresa disponibilizar outros ônibus, mas eles alegam que não têm veículos disponíveis em Teresina. Eu disse que temos que sair às 12h, porque se ficar só para às 18h corremos o risco de perder o credenciamento que é até segunda às 20h”, destacou Batista.

Ele disse que a autorização para alugar os ônibus é da Secretaria de Educação (Seduc), e que esta só foi dada na sexta-feira(17) à noite. “Eu passei o sábado inteiro tentando junto à locadora fazer uma vistoria nesses ônibus, mas não consegui de jeito nenhum”, afirmou Batista reclamando de tudo ter sido autorizado em cima da hora. 

Segundo ele, agora é aguardar a locadora conseguir novos ônibus. 

A Seduc informa que tem uma co-participação financeira para enviar os atletas aos Jogos, mas que toda a responsabilidade pela execução do projeto é da Fundespi. 

 

Caroline Oliveira
carolineoliveira@cidadeverde.com

Imprimir