Cidadeverde.com
Entretenimento

Alvo de ataques racistas, JP Rufino vai prestar queixa em delegacia

Imprimir


JP Rufino no 'Domingão do Faustão' (Foto: Carol Caminha/Gshow)

 

JP Rufino foi alvo de comentários racistas de um internauta durante o desfile das escolas de samba campeãs do Carnaval do Rio de Janeiro e deve tomar as medidas judiciais cabíveis nesta segunda-feira (19). O ator de 16 anos, que atuou em novelas como Êta Mundo Bom! (2016), Alto Astral (2014) e Além do Horizonte (2013), voltou à Sapucaí para desfilar pela Mangueira.

De acordo com ela, JP não se exaltou. "Ele ficou surpreso, claro. Ele é um menino muito do bem e acredita em um mundo melhor. É evoluído. Ele é muito calmo e sabe que, infelizmente, isso acontece. Meu caçula, Serginho, de 11 anos, ficou mais abalado. O Jota é bem maduro e soube digerir."

Martha Cristina contou ainda que o caçula foi o responsável pelos prints das mensagens preconceituosas. "Durante o desfile das campeãs, o Jota fez uma transmissão ao vivo durante o desfile da Mangueira e guardou o celular. Não ficou acompanhando o que comentavam. Quando chegamos em casa, já de madrugada, é que vimos a mensagem.O Serginho que printou. Decidimos denunciar porque as pessoas perdem a noção. É preciso respeitar e não machucar", afirmou a mãe do ator.

Em férias das novelas desde Êta Mundo Bom! (2016), JP Rufino voltará à TV em Orgulho e Paixão, nova novela das 6, prevista pra estrear em março.


Foto: reprodução/Instagram

 

Fonte: Revista Queem 

Imprimir