Cidadeverde.com
Política

Vereadores da base se reúnem e discutem apoio a Firmino Filho

Imprimir

Os vereadores da base aliada do prefeito Firmino Filho (PSDB) se reuniram em um jantar, nesta quinta-feira (22). Entre as várias pautas tratadas no encontro, está o reforço do apoio ao tucano e o comportamento da base na Câmara, que agora vive uma situação delicada ao ter o presidente, Jeová Alencar (PSDB), considerado como oposição a Firmino. 

Para compensar a perda do aliado que tem a função importante de presidir a Casa, Firmino quer a base cada vez mais unida e em sintonia para a aprovação dos projetos de interesse do Palácio da Cidade.  Jeová passou a ser considerado oposição depois que foi reeleito presidente da Casa sem o apoio de Firmino. 

O episódio causou uma crise na base e o vereador do MDB, Zé Nito, e Major Paulo Roberto (Solidariedade) passaram a compor a oposição ao Palácio da Cidade.  Depois da eleição, a base passa a contar com 18 vereadores. 

Alguns parlamentares como Caio Bucar (PSD) e Dr. Lázaro (PPS) não são considerados nem da base e nem da oposição. Eles se colocam como independentes.  Na oposição são dados como certos os vereadores Dudu (PT), Deolindo (PT), Cida Santiago (PHS), Zé Nito (MDB) e Joaquim do Arroz (PRP). Jeová Alencar (PSDB) evitar a assumir o papal de oposição, mas deixou de ser convidado para os eventos da base. 

No encontro, os aliados do prefeito ainda discutiram a possibilidade de lançar candidatos a deputado federal. Nomes como o vereador Joninha (PSDB), a líder do prefeito Graça Amorim (MDB), e Pedro Fernandes (PRP) podem sair candidatos.

Joninha afirma que os vereadores discutem a proposta de eleger um deputado federal de Teresina. “Nossa capital merece ter esse deputado federal. Uma pessoa em Brasília para defender os interesses da cidade. Temos estudado essa possibilidade de sair candidato e convidamos outros vereadores para montar uma chapa”, disse. 

Lídia Brito

redação@cidadeverde.com

Tags:
Imprimir