Cidadeverde.com
Geral

Via da ponte Wall Ferraz é interditada e provoca congestionamento

Imprimir
  • d5dee8c3-40a7-49c9-bf79-b107e7e689c0.jpg Indira Gomes
  • c6a7b17b-80b3-43e1-b6db-a41858a3d211.jpg Indira Gomes
  • 41808bd0-ed9a-40f6-a795-a8a04785dbef.jpg Indira Gomes
  • 83fb6d97-59a6-41d0-91aa-672fb7b5ab77.jpg Indira Gomes
  • 28ce49c5-6d94-4e75-b3bc-2b60e204ae36.jpg Indira Gomes
  • 9c530110-96e5-4343-a783-14aef0647cd3.jpg Indira Gomes
  • 4d6510f4-c317-4bff-85ac-0cccc153d67d.jpg Indira Gomes
  • 2f5b23f0-fadb-41d3-ba18-f7d50f718666.jpg Indira Gomes

Uma pista da Ponte Wall Ferraz foi interditada na manhã desta quarta-feira(11) no sentido Ilhotas (zona Sul) ao São João (Leste). Um grande engarrafamento se formou por volta das 11h30.  Um caminhão tombou na alça da ponte destruiu calçada e sarjetas que ficam no acostamento da ponte. 

O trânsito está lento e o congestionamento chega à maternidade Evangelina Rosa. O tráfego está sendo orientado por agentes da Strans. A sugestão é que evitem o trecho neste início de tarde.

O acidente alertou para as rachaduras existentes no asfalto do acostamento e um deslizamento de terras.

O secretário executivo da SDU Leste, Ângelo Cavalcante, está no local e disse que o aumento do rio Poti também está causando uma erosão nas paredes da linha férrea e que a preocupação é com as famílias que moram próximo ao riacho mandacaru, já que a previsão é que o rio aumente mais.

Um bueiro foi colocado no cruzamento da ponte com o prolongamento da avenida Cajuína, mas ainda está sendo concluído. 

“Com o aumento do nível do rio, a água que fluía do riacho Mandacaru está voltando e a avenida dos Ipês que funciona como dique que tem comportas que precisamos fechar e fazer testes nas bombas para que a água não chegue às famílias”, afirma o engenheiro. 

 


Caroline Oliveira
carolineoliveira@cidadeverde.com

Imprimir