Cidadeverde.com
Geral

Empresário, primo do diretor do HUT, morre com suspeita de H1N1 em Teresina

Imprimir


Dr. Gilberto e o primo Luís Albuquerque (foto: arquivo pessoal)

O empresário Luís Machado de Albuquerque morreu com suspeita de gripe H1N1 na madrugada deste domingo (06).   Ele é primo do diretor do Hospital de Urgência de Teresina (HUT), dr. Gilberto Albuquerque.  Luís estava internado em um hospital particular, na zona leste de Teresina desde a última quinta-feira (3). 

Abalado, dr. Gilberto não está conversando com a imprensa no momento. As informações foram repassadas pela irmã do diretor, Patrícia Albuquerque. 

“Ele é nosso primo legítimo, mas é como se fosse irmão do Gilberto, eles eram muito ligados e faziam muitas coisas juntos, como viajar. Sempre fomos muito unidos. Gilberto está muito abalado. Luís sempre foi uma pessoa muito boa e querido por todos. Era trabalhador que nem o Gilberto, cuidava dos irmãos. Luís sempre buscava ajudar o próximo, doava todo mês cestas básicas; ajudou algumas famílias que perderam tudo nos alagamentos que teve em Teresina. Ele era extremamente prestativo”, contou a irmã do dr. Gilberto, que também considerava Luís como irmão, a enfermeira Patrícia Albuquerque. 

Luís Albuquerque tinha 48 anos, era casado e deixa três filhos. Patrícia informou que o velório acontece na residência de Luís e o sepultamento será no Cemitério Jardim da Ressureição, tarde de hoje, às 16 horas.   

“Luís já deu entrada no hospital com um problema respiratório mais grave. O hospital prestou toda a assistência necessária. O Exame de H1N1 não ficou pronto, estamos aguardando os resultados. Ele já estava sendo tratado com medicamento necessário caso fosse descoberto essa doença. Foi tudo muito rápido. Uma perda muito grande para toda a família”, acrescentou Patrícia.

Outros casos

Até esta sexta-feira 52 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave são investigados pelo laboratório.  Sete casos da doença já foram confirmados este ano. Um motorista da Secretaria de Saúde do PIauí (Sesapi) de iniciais F.L.S., de 52 anos, morreu com suspeita de contaminação pelo vírus H1N1 em Teresina. 

Também em Teresina, uma garota de 13 anos está internada no HUT e sob tratamento com Tamiflu, medicamento usado para tratar o H1N1. 

H1N1

A Influenza é uma infecção viral aguda que afeta o sistema respiratório. A transmissão ocorre por meio de secreções das vias respiratórias da pessoa contaminada ao falar, tossir, espirrar ou pelas mãos, que após contato com superfícies recém-contaminadas por secreções respiratórias pode levar o agente infeccioso direto a boca, olhos ou nariz.

O dia D de mobilização da campanha de vacina contra a gripe será dia 12 de maio. Fazem parte dos grupos prioritários os indivíduos com 60 anos ou mais de idade, as crianças na faixa etária de seis meses a menores de cinco anos de idade, as gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), os trabalhadores da saúde, os professores das escolas públicas e privadas, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições especiais, a população privada de liberdade e os funcionários do sistema prisional.

Saiba como se prevenir do vírus H1N1 com medidas simples: clique aqui. 

 

Carlienne Carpaso
[email protected] 

Imprimir