Cidadeverde.com
Cidade Verde Amarela

Zagueiro da Costa Rica diz que VAR fez justiça ao anular pênalti

Imprimir

CAMILA MATTOSO, DIEGO GARCIA E SÉRGIO RANGEL
SÃO PETERSBURGO, RÚSSIA (FOLHAPRESS)

O zagueiro costarriquenho Giancarlo González, que havia cometido o pênalti em Neymar, posteriormente anulado pelo VAR (sistema de árbitro de vídeo), comemorou a volta atrás da arbitragem neste sexta-feira (22).

"Eu sempre vou na bola. Neymar aplicou o drible, é muito rápido, mas meu pensamento é sempre de ir rapidamente atrás da bola. Fomos em cima, o juiz fez justiça com o VAR. Minha intenção era a bola", disse o atleta costarriquenho.

A penalidade havia sido anotada aos 32min do segundo tempo pelo árbitro holandês Kuipers Bjorn. Irritados com a anulação do pênalti, Neymar e Philippe Coutinho reclamaram muito e acabaram levando cartão amarelo.

Ainda assim, o Brasil conseguiu a vitória por 2 a 0 contra a Costa Rica, com gols nos acréscimos.

Voltar Cidade Verde Amarela
Imprimir