Cidadeverde.com
Geral

Pais de bebê que morreu por suposto maus-tratos são soltos em audiência de custódia

Imprimir


Pais deixam a sede da Justiça após audiência de custódia.

Em audiência de custódia realizada nesta quinta-feira (19), o juiz Jorge Cley Martins Vieira concedeu liberdade ao pais do bebê de 4 meses que morreu ontem por suposto maus-tratos nesta quarta no residencial Torquato Neto. zona Sul de Teresina.

A soltura de Ivanilson Oliveira Diniz e Alice Jovem de Souza ocorreu sob protestos do promotor criminal da Central de Inquéritos, José Eduardo Carvalho Araújo, que acompanhava o caso durante a audiência. Os pais foram presos nesta quarta após a morte do bebê. Os outros filhos do casal foram encaminhados para um abrigo.

O promotor comunicou ao juiz que o pai do bebê tem antecedentes criminais, mas mesmo assim o juiz concedeu liberdade provisória e estabeleceu medidas cautelares. As medidas incluem medidas como proibição ao casal de se ausentar e de deixar a cidade por um período de 15 dias; Fica proibido de mudar de residências sem comunicação prévia à justiça e não pode sair a noite nem frequentar bares, boates e similares.

O promotor Luiz Gonzaga Rebelo Filho, que é responsável pelo acolhimento das crianças no abrigo, informou que elas terão acompanhamento psicológico, e assistência social. Uma equipe do Ministério Público fará um estudo social sobre a origem do que levou a morte do bebê de 4 meses. Somente após esse estudo o Ministério Público irá se posicionar sobre processo de reintegração das crianças à família e se os pais terão a guarda dos filhos destituída.

 

Flash Yala Sena

Redação: Rodrigo Antunes
redacao@cidadeverde.com

Imprimir