Cidadeverde.com
Geral

MPPI apura condições de segurança no Museu do Piauí e da Casa da Cultura

Imprimir


Museu do Piauí (Imagem/Reprodução/SIte/MPPI)

O Ministério Público do Piauí (MPPI) instaurou procedimentos para apurar as condições de segurança e estrutura física do Museu do Piauí e da Casa da Cultura, ambos localizados no Centro de Teresina.

Os procedimentos serão realizados por meio da 24ª Promotoria de Justiça de Teresina-PI, especializada na defesa do meio ambiente e patrimônio histórico e cultural. 

Nas portarias, a promotora de Justiça, Gianny Vieira de Carvalho, ressaltou que “o patrimônio cultural brasileiro é constituído por bens de natureza material e imaterial, tomados individualmente ou em conjunto, portadores de referência à identidade, à ação, à memória dos diferentes grupos formadores da sociedade brasileira”, informou o MPPI. 

O documento também acentua que o Poder Público, com a colaboração da comunidade, deve promover e proteger o patrimônio cultural brasileiro por meio de inventários, registros, vigilância, tombamento, desapropriação e de outras formas de acautelamento e preservação.

Os pedidos ocorreram após o incêndio no Museu Nacional, no Rio de Janeiro, em que mais de 80% dos itens foram queimados, no dia 02 de setembro deste ano. 

A decisão da promotoria determinou a expedição de ofícios à Fundação Municipal Cultural Monsenhor Chaves (FMCMC) e ao Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Piauí (CBM-PI), requisitando a realização de vistorias para verificação das condições estruturais e de segurança.

A situação do Museu do Piauí foi abordada no Programa Feito em Casa, que foi ao ar neste sábado (08). 

 

 

Carlienne Carpaso
Com informações do MPPI
[email protected] 

Imprimir