Cidadeverde.com
Geral

Fake news: polícia garante que não houve morte no Corso 2019

Imprimir

Foto: Ascom / SSP

O Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), montado no Corso de Teresina, registrou apenas seis ocorrências e oito pessoas foram conduzidas para a Central de Flagrantes. Não houve tiroteio nem homicídios. 

Segundo a nota enviada pela assessoria da Secretaria de Segurança Pública, todas as ocorrências foram relacionadas a crime patrimonial, portanto a notícia que circula nos grupos de whatsapp afirmando que houve uma morte no Corso 2019 é fake.

"Não tivemos ocorrências de maior gravidade, nem pessoas feridas. Os boletins de ocorrência registrados no centro integrado foram sobre furtos de celulares e documentação perdida", garante o coordenador do CICC, Major Audivam Nunes.

Com relação às conduções, o delegado Luciano Alcântara, da Delegacia de Prevenção e Repressão a Entorpecentes (Depre), esclareceu o procedimento adotado. "Nós encontramos trouxas de cocaína e R$ 300 em dinheiro trocados em posse dos detidos, que foram conduzidos para central de Flagrantes,  passaram por registros de um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e  foram liberados em seguida".

A nota da SSP acrescenta que estiveram presentes no evento quase mil agentes de segurança, entre policiais civis, militares e bombeiros. Além disso, 10 câmeras, drones, viaturas, motocicletas e a cavalaria ajudaram a reforçar o monitoramento.

 

Foto: Ascom / SSP

Jordana Cury
[email protected]

Imprimir