Cidadeverde.com
Entretenimento

Britney Spears divulga vídeo e tranquiliza fãs sobre suposta internação forçada

Imprimir

Foto: instagram @britneyspears

A cantora Britney Spears, 37, se internou em um hospital psiquiátrico no início de abril, após se sentir desestruturada com a piora da saúde de seu pai, Jamie Spears. Nesta terça-feira (23) à noite, a artista usou suas redes sociais para se pronunciar sobre o assunto. 

Com um vídeo e um breve texto, ela afirma que está tudo bem e que tirou voluntariamente um tempo para cuidar de sua saúde. Boatos na internet davam a entender que Britney teria sido internada à força, o que causou uma mobilização dos fãs da artista.

"Estou tentando tirar um momento para mim mesma, mas tudo que está acontecendo está deixando as coisas mais difíceis para mim. Não acreditem em tudo o que leem ou escutam", afirma a cantora.

Em meio à sua internação e à doença de seu pai, Britney teve de lidar com mensagens de email falsas em que ela pede ajuda para ser libertada da internação. 

Nesta segunda-feira (22), fãs da artista fizeram um protesto em frente à prefeitura de West Hollywood com placas com o pedido "Free Britney". Alguns fãs, segundo o site Entertainment Tonight, acham que ela não deve mais ficar sob custódia de Jamie Spears. No entanto, em janeiro deste ano, a própria Britney Spears cancelou a segunda temporada de shows que faria em Las Vegas, nos Estados Unidos, para cuidar do pai. Ele foi hospitalizado devido a um problema no intestino grosso e a recuperação requer cuidados.

A cantora nega todos esses boatos em seu vídeo. "Esses e-mails falsos por aí foram montados por Sam Lutfi há muitos anos... Eu não escrevi eles. Minha situação é complicada, mas eu prometo que estou fazendo o que é melhor neste momento. Vocês talvez não saibam isso ao meu respeito, mas sou forte e defendo aquilo que quero!"

Logo após a publicação do vídeo, o ex-empresário da cantora se defendeu pelo Twitter. "Um post no Instagram de Britney me acusa de fabricar os e-mails dela que estão circulando recentemente. Eu possa afirmar seguramente que eu nunca escrevi nem tive nenhum acesso ao email dela. Isso é uma tentativa desesperada de sua equipe para desviar a atenção para mim e uma maneira bastante ineficaz de ofuscar o movimento Free Britney", escreveu Sam.

As brigas com o ex-empresário não são de hoje. Anos após o episódio em que Britney raspou a cabeça careca, em um suposto surto, Sam Lutfi afirmou em depoimento judicial que ela raspou a cabeça porque temia que seus cabelos fossem usados em exames de drogas.


 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

I wanted to say hi, because things that are being said have just gotten out of control!!! Wow!!! There’s rumors, death threats to my family and my team, and just so many things crazy things being said. I am trying to take a moment for myself, but everything that’s happening is just making it harder for me. Don’t believe everything you read and hear. These fake emails everywhere were crafted by Sam Lutfi years ago... I did not write them. He was pretending to be me and communicating with my team with a fake email address. My situation is unique, but I promise I’m doing what’s best at this moment ???????????? You may not know this about me, but I am strong, and stand up for what I want! Your love and dedication is amazing, but what I need right now is a little bit of privacy to deal with all the hard things that life is throwing my way. If you could do that, I would be forever grateful. Love you ??????

Uma publicação compartilhada por Britney Spears (@britneyspears) em

 

Fonte: Folhapress 

Imprimir