Cidadeverde.com
Política

Faltas: Vereadores têm desconto nos salários de R$ 270

Imprimir
Foto: Francisco Magalhães/Cidadeverde.com
Carmem, tida como uma das mais faltosas, ao lado do corregedor Valdinar
 
Depois de muita discussão ao longo do ano sobre as ausências não justificadas de vereadores nas sessões da Câmara Municipal de Teresina, a direção da casa decidiu descontar do salário dos parlamentares os dias não trabalhados em 2008. A informação é do corregedor da Câmara, vereador Valdinar Pereira (PP). Pelo menos quatro vereadores sofreram cortes nos seus vencimentos referentes às faltas.
 
Tidos como os mais faltosos, Carmem Lúcia (PMDB) e João Cláudio Moreno (PCdoB) aparecem na relação. Além deles, de acordo com o corregedor, Urbano Eulálio (PSDB) e Elizeu Aguiar (PTB) também sofreram desconto nos salários. Os valores dos descontos e número de ausências não foram divulgados, mas só Carmem Lúcia esteve ausente por pelo menos dois meses. Ela apresentou atestado médico alegando depressão, mas foi à última sessão de 2008 na terça-feira.
 
O desconto por dia de falta é de R$ 270. O salário de um vereador hoje é de R$ 7.173, mas passará para R$ 9.220 a partir de 2009.
 
Durante todo o ano, houve pressão pelos cortes e acusações de que parlamentares apenas assinavam a freqüência e iam embora. A Câmara chegou a mudar seu regimento interno e determinou que faltas superiores a 15 dias só seriam justificadas com atestado de uma junta médica da Casa.
 
Tags:
Imprimir