Cidadeverde.com
Entretenimento

Quitéria Chagas anuncia despedida do Carnaval em 2020

Imprimir

Fotos: Reprodução/instagram/@quiteriachagas

Um dos nomes mais conhecidos do Carnaval brasileiro, a atriz e dançarina Quitéria Chagas, 38, deve pendurar as chuteiras, ou melhor, os sapatos de salto, em breve. Quitéria sairá, pela última vez, como rainha de bateria da escola carioca Império Serrano no desfile das escolas de samba de 2020.

Em conversa com a reportagem, a artista comentou a decisão de aposentar-se da Sapucaí. "Completo vinte anos de Carnaval no ano que vem, e quarenta anos de idade. Eu acho que é um excelente momento para encerrar. A gente tem que saber sair, saber renovar esse ciclo."

A personalidade desfilou pela primeira vez pela Império Serrano em 2003, como destaque de carro. De lá para cá, foram mais de quinze anos de parceria. "Eu comecei a ter esse vinculo com a escola e fui me apaixonando. É uma relação de amor mesmo. Neste ano, a escola voltou ao grupo de acesso. Eu ia encerrar no especial, mas uma vez 'imperiano', sempre 'imperiano'. Agora a escola precisa mais ainda de força. Eu jamais iria abandonar a Império", afirmou Quitéria.

Morando atualmente na Itália, a artista relatou as dificuldades que enfrentou para participar dos ensaios do Carnaval de 2019. "Foi bastante complicado ir para os ensaios todos os meses. A logística é complicada, tenho que cuidar da minha filha e de outros projetos que tenho aqui, como doula e psicóloga. Em 2020, eu não vou conseguir ficar indo sempre para ensaiar."

Para a ausência da rainha de bateria nos ensaios da escola, a Império bolou uma solução criativa. Em parceria com a Escola de Moda Yuri Graneiro, a escola promoverá um concurso para eleger uma passista que representará Quitéria em ocasiões especiais. A competição deve ter início no meio deste ano.

"Esse concurso é aberto para todo o Brasil e vai escolher alguém para ficar no meu lugar, me representando em dias de evento. Ela não vai me substituir, mas vai me representar e vai representar as mulheres de maneira geral. É o momento da gente dar força uma à outra e eu entendo muito bem o que as passistas passam. Por que não dar uma chance? Vai ser lindo", celebrou a dançarina.

O enredo da tradicional escola de Madureira para 2020 será "Lugar de mulher é onde ela quiser". O tema foi mais que aprovado pela rainha de bateria. "Tem tudo a ver com o que eu abordo. Eu sou doula, e doula é da linha feminista total. Meu corpo, minhas regras. Nós queremos resgatar o poder da mulher não só na hora do parto, mas em todos os sentidos. É maravilhoso", comemorou Quitéria.


Fonte: Folha Press

Imprimir