Cidadeverde.com
Viver Bem

Dicas saborosas para restringir alimentos industrializados do cardápio

Imprimir

Fotos: Pixabay / fotos gratis

Quando falamos de alimentação saudável, por que optar pela versão caseira ao invés das versões industrializadas? A resposta é simples. As indústrias adicionam determinados ingredientes para que os produtos tenham uma validade maior, realçando também sabor e aspecto. Além disso, não podemos esquecer o excesso de sódio, açúcar e gordura, em alguns casos.

Estes ingredientes adicionados podem ser prejudiciais à saúde. Por isso, chegou a hora de repensar. A lógica é a seguinte: o exagero no consumo de alimentos ultraprocessados está ligado a diversos problemas de saúde, da obesidade ao diabetes tipo 2. É possível comer de vez em quando, mas que tal trocar por alternativas caseiras, mais saudáveis e simples de preparar? Eis alguns exemplos de alimentos que podem ganhar uma versão mais light, mas igualmente saborosos

1 - Hambúrguer

A versão processada comercializada nos supermercados pode levar outros tipos de carne fora a bovina, além de itens como proteína de soja, gordura - que chega a 40% da composição total em alguns casos - e açúcar. Felizmente, o hambúrguer caseiro é uma receita bem fácil de fazer.

2 - Macarrão instantâneo

Prático de preparar, mas é pré-frito e costuma ser carregado de sódio. Uma alternativa tão simples e rápida é fazer um macarrão do tipo cabelinho de anjo, que também fica pronto em três minutos. Basta cozinhar e escorrer a água, misturando com os acompanhamentos que quiser. Dá para fazer com manteiga, queijo ralado, azeite e ervas finas. Ou com tomate picado ou pelado.

3 - Salsicha

A salsicha é rica em sódio, gordura e aditivos como corantes. Por isso, seu consumo deve ser bem ocasional. Embora o preparo seja mais trabalhoso, pois exige algumas máquinas e técnicas culinárias específicas, dá para enganar o paladar com receitas que misturam carnes de forma caseira.

4 - Batata frita

A congelada costuma ser pré-frita e contém níveis consideráveis de gordura saturada. Melhor mesmo é trocar pela rústica. Algumas hamburguerias, por exemplo, aproveitam as cascas da batata, o que ajuda a preservar nutrientes e deixa o prato mais crocante.

 

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir