Cidadeverde.com
Geral

Quase 94% dos domicílios do Piauí possuíam água diariamente em 2018, diz IBGE

Imprimir

Gráfico: IBGE

O Piauí fechou 2018 com 93,7% dos seus domicílios com disponibilidade diária de água.  Os dados são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua, divulgados nesta quarta-feira (22) pelo IBGE. 

O indicador superou o de 2017, quando o Piauí atingiu a marca de 91,3% dos domicílios com água.

No ano passado, o estado com o menor percentual de disponibilidade diária de água nos domicílios foi o de Pernambuco, com um índice de 38,6%, enquanto que a unidade da federação com o maior percentual foi Roraima, com 98,9%. 

Outro indicador social pesquisado pelo IBGE é a proporção de domicílios com lixo coletado diretamente pelo poder público. O Piauí apresentou uma melhora de 2017 para 2018, tendo passado de 65,1% para 67,9% dos domicílios com acesso ao serviço. A variação dez o estado sair da 25ª colocação no ranking nacional para a 20ª.

Rede interligada 

Ainda segundo a pesquisa, apenas 7% dos domicílios piauienses em 2018 possuíam rede geral ou fossa séptica ligada à rede de esgotamento sanitário. É a menor proporção do país. De acordo com o IBGE, houve uma piora no indicador, já que em 2017 o índice era de 8,9%. 

Estados vizinhos como o Maranhão e o Ceará apresentam indicadores superiores como 22,6% e 43,4%, respectivamente. No Brasil, o estado com o maior indicador é São Paulo, com 92,6%, seguido do Rio de Janeiro, com 88,3%. 

Hérlon Moraes
herlonmoraes@cidadeverde.com

Imprimir