Cidadeverde.com
Viver Bem

Plogging combina atividade física com a coleta de lixo

Imprimir

Foto: Divulgação internet

Já encontrou pessoas com roupas esportivas recolhendo lixo por aí? Esta é uma nova modalidade que ganhou nome e tem feito adeptos no Brasil: o plogging, mistura de atividade física com boas práticas de sustentabilidade.

Basta combinar uma atividade física - em geral aeróbica - como caminhada e especialmente corrida; com a coleta de lixo. Grupos normalmente marcam encontros em praias ou ruas e levam sacolas ecológicas (ecobags) para o recolhimento adequado dos resíduos. Também é sugerido que cada participante leve uma luva reutilizável.

Repleto de benefícios

O plogging é muito benéfico para o meio ambiente. Entretanto, mais do que isso, os movimentos de agachar e abaixar para pegar algo no chão servem como um ótimo exercício para alongar o corpo e queimar calorias.

Origem do plogging

A moda se iniciou na Suécia em 2017, quando o ambientalista Erik Ahlstrôm organizou um grupo em seu Facebook para lançar o que chamou de “corrida sustentável”. Erik uniu as palavras “plocka” (que em sueco significa “recolher”) e "jogging" (“trotar”, em inglês) para criar o termo “plogging”, que representa o ato de correr recolhendo lixo.

A prática ganhou popularidade nas redes sociais por ser fácil e sustentável. Além disso, permite grande interação social por ser feita em grupos. Muitas pessoas já compartilharam suas fotos usando as hashtags #plogging ou #plogga, buscando incentivar novos praticantes.

Há restrições?

O plogging é bem tranquilo de ser praticado, pois cada pessoa pode colocar e respeitar seus limites. As ações são feitas na praia ou ruas; então, caso haja alguma limitação de mobilidade, ao invés de trotar, a opção é pela caminhada.

 

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir