Cidadeverde.com
Política

Em Brasília, Wellington Dias busca acordo sobre reforma da Previdência

Imprimir

Foto: Ascom

O governador Wellington Dias (PT) se reuniu com o presidente da Confederação Nacional dos Municípios, Glademir Aroldi, em Brasília, nesta terça-feira (02). A pauta do encontro foi à inclusão de estados e municípios no texto da reforma da Previdência.

Wellington afirma que ainda é preciso que alguns pontos “humanizados” possam fazer parte da reforma. 

“Ainda há alguns pontos em discussão no dia de hoje, amanhã e até durante votação no plenário com os parlamentares, que coloque um tratamento especial para mulheres, professores, para policiais e um conjunto de outros setores”, destacou. 

Os governadores de todo o país querem a apresentação de uma reforma que possam ajudar todos os entes da federação a superar o problema do déficit da Previdência. No caso do Piauí, o déficit deve passar de R$ 1 bilhão. 

“Tentamos encontra o entendimento. Nos posicionamos contra a reforma que chegou ao Congresso. Retiraram os pontos prejudiciais aos trabalhadores rurais e deficientes. O regime de capitalização também foi retirado. Todos precisão sentar para sair um entendimento. Queremos um regramento mais humanizado. Destaco o trabalho do líderes da Câmara e Senado trabalhando um entendimento. Com tratamento especial para mulheres, professores em militares. Queremos garantias para vencer o déficit e garantir que não ocorram atrasos no pagamento de salário”, afirmou. 

Lìdia Brito
lidiabrito@cidadeverde.com

Imprimir