Cidadeverde.com
Política

Dudu denúncia que grupo de Assis Carvalho quer impugnar filiações petistas

Imprimir

Foto: Arquivo Cidade Verde

O clima de disputa no PT está acirrado. Na manhã de hoje, o vereador Dudu, que disputa a presidência do partido com o deputado Assis Carvalho, afirma que o deputado quer impugnar filiações de cerca de 2. 500 lideranças que chegaram ao partido por meio de Dudu. 

A declaração veio depois que o grupo político do secretário Merlong Solano declarou apoio a Assis. Dudu disse que de acordo com Merlong, sem sucesso. 

"Tentamos uma conversa, mas na política se vai para o caminho mais rápido e calmo para atingir seu objetivo. Quando lancei candidatura não esperava apoio de grupo. O que quero é abrir o diálogo sem prepotência e sem querer impor vontade", disse.

No início do ano, Dudu anunciou a filiação de 2.500 lideranças ao PT. Segundo ele, Assis quer impedir o voto dessas lideranças.

"Temos 2.500 filiações que o grupo de Assis Carvalho tenta impugnar. Se tentarem vai ser o maior conflito na eleição do PT do Brasil. O PT nacional diz que as plenárias de filiação política para homologar as filiações do PT serão homologadas até o dia 8 de julho. O grupo do Assis quer questionar essa filiações e a executiva municipal aprovou documento que as filiações estão valendo. Se enveredar pelo caminho de truculência, não vou aceitar", destacou.

Dudu diz sofrer ameaça de "rasteira". "Não sou do PT por acaso. Não cai aqui. Estou ajudando a construir um legado. Não vamos desistir da nossa candidatura. Não estou buscando composição. Não vamos aceitar rasteiras", defendeu.

 

Lídia Brito
lidiabrito@cidadeverde.com

 

Imprimir