Cidadeverde.com
Geral

Vazamento de gás causa explosão em apartamento e deixa dois feridos

Imprimir
  • apt4.jpg Mayra Monteiro/ TV Cidade Verde
  • apt3.jpg Mayra Monteiro/ TV Cidade Verde
  • apt1.jpg Mayra Monteiro/ TV Cidade Verde
  • bem5.jpg Mayra Monteiro/ TV Cidade Verde
  • bem4.jpg Mayra Monteiro/ TV Cidade Verde
  • bem.jpg Mayra Monteiro/ TV Cidade Verde
  • bem1.jpg Mayra Monteiro/ TV Cidade Verde
  • bem2.jpg Mayra Monteiro/ TV Cidade Verde
  • bem3.jpg Mayra Monteiro/ TV Cidade Verde

Atualizada às 10h01

O major do Corpo de Bombeiros, Carvalho Leal, informou à TV Cidade Verde que a estrutura do prédio não foi avariada com a explosão e que após a perícia realizar os procedimentos vai atestar as causas. O proprietário e o zelador ficaram feridos.

"A perícia vai determinar as causas da explosão e do incêndio. A priori, o edifício tem gás canalizado. Tem uma central que distribui gás para cada bloco e em cada apartamento e provavelmente o que tem para causar explosão é o gás, mas só quem vai detectar com certeza é a perícia", informou o oficial bombeiro. 

Ele disse que o prédio foi comprometido na parte de alvenaria, forros, janelas, portas, vidros, mas que o incêndio só atingiu o apartamento que teve a explosão. 

"O bloco não está mais habitado, todos foram retirados, e o local devidamente isolado, para que o trabalho pericial aconteça. Mas não há nenhuma possibilidade de colapso estrutural, já que pilares, vigas, lajes foram todas preservadas. O que houve foi apenas comprometimento na parte de alvenaria forro, porta, janela, vidros. Não tem problemas de novo incêndio e nem problemas estruturais", afirmou o major Carvalho Leal.

O bombeiro informou ainda que o proprietário do apartamento foi encontrado dentro do banheiro e socorrido por vizinhos, com graves queimaduras, quando os bombeiros chegaram ao local ele já havia sido socorrido, juntamente com o zelador que também teve ferimentos.

 

Atualizada às 9h04

Uma explosão de gás teria destruído um apartamento no conjunto residencial Bem Viver 2 no bairro Lourival Parente, zona Sul de Teresina, por volta das 7h da manhã deste sábado(20). O estrondo foi tão grande que as paredes do local foram abaixo. 

A explosão ocorreu em um apartamento térreo, até as janelas do bloco não suportaram e quebraram. O Corpo de Bombeiros foi acionado e avalia se será preciso interditar o prédio.

Segundo moradores, no apartamento mora um casal com filhos, mas o homem estava sozinho em casa quando a explosão aconteceu. 

De acordo com o Hospital de Urgência de Teresina (HUT) dois homens deram entrada por volta das 7h41 com queimaduras. André Silva de Moraes, de 27 anos e Bruno Tiago de Sousa Oliveira Silva, de 29 anos. Eles ainda passam por avaliação dos na Unidade de Queimados.

Os moradores estão sendo retirados e voltando aos poucos para retirar alguns pertences. Em cada prédio possui 16 apartamentos. 

 suspeita é que havia vazamento de gás. Mas as causas ainda serão investigadas pelo Corpo de Bombeiros. 

 

 

Caroline Oliveira
Com informações de Mayra Monteiro (TV Cidade Verde)
redacao@cidadeverde.com

Imprimir