Cidadeverde.com
Política

Pedido de autorização de empréstimo de R$ 1,7 bilhão chega à Assembleia

Imprimir

Foto: Lídia Brito/ Cidadeverde.com

O governo do Estado encaminhou à Assembleia Legislativa do Estado o pedido de autorização para contrair empréstimo de R$ 1,7 bilhão. A matéria gera repercussão na Casa e alguns parlamentares afirmam que é preciso ajustes.

Na mensagem, o governador Wellington Dias explica que o valor terá finalidade exclusiva de cobrir as despesas do Fundo de Previdência, Dívida Pública e Precatórios do Estado do Piauí e fazer frente a outras obrigações de caráter compulsório.

O deputado João Madison afirma que o secretário de Fazenda, Rafael Fonteles, deve ir à Casa prestar esclarecimentos.

"Vamos nos debruçar sobre o empréstimo. Se o governo tiver condições de pagamento, vamos aprovar. É preciso se fazer alguns ajustes. É preciso ouvir o secretário de Fazenda. Esse dinheiro vem em bom momento para recuperar estradas, problema da saúde e água no interior", disse.

O presidente da Comissão de Constituição e Justiça, Júlio Arcoverde (Progressistas), aguarda que a matéria siga para a comissão para ser distribuída aos parlamentares. Ele afirma que os parlamentares querem conhecer melhora a proposta.

“Ainda não tivemos acesso, mas é preciso saber  sobre a capacidade de endividamento do governo. O secretário Rafael Fonteles diz que tem. Vamos esperar conversas com o governo para podermos aprovar”, destacou.

O líder do governo na Assembleia Legislativa do Estado, deputado Francisco Limma (PT), fala da importância para pagamento de precatórios. “Esse recurso vai ajudar o governo a cobrir as despesas com a Previdência. Existe um déficit. O dinheiro também ajudará no pagamento de precatórios”, destacou.  

 

Flash Lídia Brito
redacao@cidadeverde.com

Imprimir