Cidadeverde.com
Política

No Piauí, Baleia Rossi diz que Brasil tem pior tributação do mundo e quer unificar impostos

Imprimir
  • baleiarossi-roberta.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-36.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-35.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-34.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-33.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-32.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-31.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-30.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-28.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-27.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-26.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-25.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-24.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-23.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-22.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-21.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-20.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-19.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-18.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-17.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-16.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-15.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-13.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-12.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-11.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-10.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-8.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-7.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-6.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi-3.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • Audiência_sobre_Reforma_Tributária_com_Baleia_Rossi.jpg Roberta Aline / Cidade Verde

O deputado federal, Luiz Felipe Baleia Rossi (MDB), autor da PEC 45 - que trata sobre a reforma tributária brasileira, afirmou que o Brasil tem o pior sistema tributário do mundo durante discurso na Assembleia Legislativa do Piauí, na manhã desta quinta-feira (5). Baleia Rossi defendeu a unificação de impostos.  

Pela proposta atual, o IPI, PIS, Cofins, ICMS e ISS  serão  unificados com a criação do Imposto sobre Bens e Serviços  (IBS). 

"Estamos trabalhando no sentido de que a PEC 45 de minha autoria prevê a simplificação nos moldes do que já é utilizado nos países desenvolvidos e que é que se desenvolveram graças à simplificação. Nosso projeto é semelhante do que ocorre em 168 países como ocorre na Inglaterra, Espanha e outros", disse o parlamentar.

Segundo ele, a reforma é bom para o país e para a população. 

"A PEC  quer  unificar cinco impostos como o PIS, Cofins, IPI, que são federais e ICMS que é estadual e ISS que é municipal. Com essa simplificação a população ganha porque  as famílias terão majorada seu poder de compra. Teremos aumento do PIB  que vai gerar emprego e renda", disse o deputado. 

Na defesa da reforma, Baleia Rossi diz que o sistema tributário do Brasil é  o pior do mundo.

"Contempla o Piauí com absoluta certeza, mas ganha todo o Brasil. Estamos propondo uma transição que garanta com que as empresas que fizeram um investimento nesse sistema maluco tenho segurança. Nosso sistema tributário é  o pior do mundo", afirmou Baleia Rossi.

 A audiência foi acompanhada pelos parlamentares do país. O deputado Júlio César diz que é  preciso trabalhar para que não  ocorra um aumento dos impostos. 

Fotos: Roberta Aline/Cidadeverde.com

"Trabalhamos para que não aumente a carga tributária e preserve o direto adquirido dos entes federados. É  importante trabalhar por aqueles que mais precisam que são os  municípios brasileiros na divisão do bolo tributário. É  algo que precisamos fazer simulações. Os próprios governadores já tem proposta de emenda. Essa simplificação de imposto dá mais eficiência para a máquina e compartilhamento para que nenhum ente perca e os municípios possam ganhar", disse.

O senador Marcelo Castro afirma que os pobres pagam mais impostos no Brasil. Ele defende a retomada da CPMF e fala em demonização do imposto.

"O Brasil tem uma dívida com a reforma política, previdenciária e tributária. A mais importante não se tem como saber. Todas são essenciais. O Brasil precisa crescer e destravar. A mais importante no sentido de harmonia do entes federados é a reforma tributária. Nosso sistema é  atrasado. No Brasil os pobres pagam mais impostos que os ricos. A sociedade brasileira criou uma resistência a CPMF porque foi feita uma grande campanha pelos ricos de São Paulo demonizando o imposto. O imposto rastreia o dinheiro por onde anda. Na época foi comprovado que as empresas do Brasil não pagavam imposto de renda. O grande medo é  porque esse imposto rastreia o dinheiro", afirmou.


Aumenta o PIB em 10%

O secretário Estadual de Fazenda , Rafael Fonteles, defende a reforma Tributária. Segundo ele, está é  a principal reforma e aumentará o PIB  em 10%. 

"É preciso melhorar a eficiência do sistema. Assim o contribuinte paga menos impostos  e conta com melhores serviços. O governo federal quer uma proposta de simplificação  dos impostos federais. Mas, é  importante aprovar uma simplificação de todos os impostos de consumo, os indiretos. São os impostos considerados piores para a sociedade. Nós  do Comsefaz dedicamos nessa proposta dos impostos sobre consumo. É  um aperfeiçoamento  da PEC 45. Preserva a estrutura, mas acrescenta pontos importantes para estados e municípios. É  preciso ter o fundo de desenvolvimento regional. Isso também consta na nossa proposta. Sabemos que vai gerar um embate com a União e por isso estamos discutindo. Essa é  a reforma mais importante. Leva a um crescimento do PIB em  10%", afirmou.

 

Flash Lídia Brito
[email protected]

Imprimir