Cidadeverde.com
Política

Firmino Paulo fala em isolamento da prefeitura e confirma distanciamento político do prefeito

Imprimir

Foto: Roberta Aline/Cidadeverde.com

O deputado estadual, Firmino Paulo (Progressistas), decidiu falar sobre a relação política com o grupo do prefeito Firmino Filho (PSDB). A relação entre os dois ficou abalada depois que o prefeito lançou a primeira-dama, Lucy Soares, como candidata a deputada estadual.

O prefeito é  tio de Firmino Paulo. Com a candidatura de Lucy, o deputado se viu sem apoio e deixou o PSDB para se filiar ao Progressistas. A reeleição como deputado ficou ameaçada. 

Firmino Paulo diz que a Prefeitura só teve um candidato a deputado, no caso, Lucy Soares. 

"Na realidade com a questão das disputas políticas, ocorreu de forma natural. Eles tiveram um só um candidato a deputado estadual e de certa forma ocorre um certo isolamento na questão do meu grupo político na Prefeitura de Teresina", disse. 

Outro fator que confirma o distanciamento é a aproximação com o governador Wellington Dias e o Palácio de Karnak. Ele indicou Genilson Sobrinho para o comando da Adapi.

"Fazemos parte de outro partido que é o Progressistas. Saímos do PSDB para ele. Estamos hoje muito alinhados com o governador do Estado. Fazemos política de forma estadual. Estamos alinhados ao governador", destacou.

Firmino Paulo confirma que a aproximação com o Palacio de Karnak leva ao distanciamento do Palácio da Cidade. 

"Na medida em que os dois (Karnak e Prefeitura) não estão juntos, podemos dizer que de certa forma sim (estão distantes)", afirmou. 

Para o deputado, o Progressistas estão alinhados com o governador, mesmo o partido apoiando o prefeito Firmino Filho em Teresina. 

"O Progressistas vota hoje no governo do Estado. Fizemos campanha para o governador. Eu pertenço à base do governo. Nada mais natural que essa proximidade maior com o governador. Isso em todo o interior e não só em Teresina", disse.

 

Lídia Brito
lidiabrito@cidadeverde.com

Imprimir