Cidadeverde.com
Viver Bem

Nova versão da criolipólise diminui em torno de 45% a gordura localizada

Imprimir

Foto: Divulgação Onodera

Descoberta por pesquisadores da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, a Criolipólise é uma das técnicas mais procuradas quando o assunto é diminuir gordura localizada. Através do resfriamento controlado e localizado do tecido adiposo (células de gordura), por um período de 45 a 60 minutos com temperaturas em torno de -7°C, é possível reduzir logo na primeira sessão, de 20% a 25% da gordura.

Apesar da eficácia do tratamento, um protocolo ainda mais completo chega ao Brasil: o Método Criolipólise Plus, técnica capaz de diminuir em torno de 45% a gordura localizada. “A Criolipólise Plus é mais eficiente que a tradicional, pois além de resfriar as células de gordura, emprega aquecimento antes e depois do programa de tratamento, promovendo a destruição de um maior número de adipócitos”, conta Ingrid Peres, gerente científica e fisioterapeuta dermato-funcional. 

O processo envolve quatro fases de variação de temperatura, como explica Ingrid: “um dia antes da Criolipólise realizamos o encontro do frio com o calor, onde associa-se técnicas de Radiofrequência capazes de promover choques térmicos e mobilizar tanto o colágeno quanto as células de gordura.

No dia seguinte, realizamos a Criolipólise para congelar as células adiposas da região escolhida e finalizamos com uma massagem localizada realizada com gel crioterápico com ativos exclusivos para potencializar a diminuição da célula de gordura.

A partir do terceiro dia, potencializamos o resultado com a aplicação de calor e frio através da Criofrequência, a fim de promover a dilatação, aumentar o processo inflamatório e promover mais diminuição da camada adiposa”.

Com aplicação no abdôme, flancos culote, braços, papada e coxa anterior, a técnica é extremante segura e indolor, onde o paciente poderá retornar imediatamente a suas atividades cotidianas.

“Os efeitos colaterais são discretos, a região fica avermelhada, inchada e algumas pessoas relatam uma sensação parecida com desconforto muscular por até três dias”.

CRIOLIPÓLISE PLUS

Indicação: Gordura localizada
Quantidade indicada de sessões: 1 sessão de criolipolise e 6 sessões de Criofrequencia 
Frequência: 1x por semana. 
Contraindicações: gestantes e pacientes com feridas abertas ou infectadas, dermatites ou coceira na região a ser tratada, obesidade mórbida e câncer.

 

redacao@cidadeverde.com

Imprimir