Cidadeverde.com
Viver Bem

Hábitos para evitar que o celular se transforme em inimigo da saúde

Imprimir

Foto: Pixabay/ fotos gratis

A tecnologia já dominou nossas vidas. Entretanto, em alguns casos ela se transformou em uma inimiga. Tanto para o bem ou para mal, o uso excessivo do celular está deixando as pessoas mais distraídas, atrapalhando o foco no trabalho e nos relacionamentos, além de causar problemas de saúde.

Ficar muito tempo na tela do smartphone pode deixar a visão cansada, ressecada e antecipar o uso de óculos. Prejudica também a coluna por conta da postura, causa danos à audição a longo prazo e atrapalha o sono.

Se parar por um minuto e olhar ao redor, praticamente todas as pessoas estarão com o pescoço torto e com a o rosto direcionado para o smartphone.

Mas, se utilizado com moderação, o celular pode trazer benefícios, como agendar um exame ou marcar um café com as amigas. Para isso, o primeiro passo é manter o foco e melhorar sua relação de tempo com o uso do celular.

De nada adianta ficar checando uma mensagem ou uma informação a cada minuto. Isso não vai acelerar um processo judiciário, por exemplo, se estiver em contato com um advogado. Só vai deixá-lo estressado e ansioso. Então, para evitar dores de cabeça e não ficar doente, confira algumas dicas e cuidados:

Respire fundo e defina metas

Mantenha o foco na tarefa. É importante ajudar o cérebro a ignorar tanta facilidade de conteúdo e interação. Esconda o celular ou deixe-o na bolsa, mochila enquanto trabalha. Estipule horários para checar o e-mail, conferir mídias sociais e acessar os joguinhos

Construa hábitos saudáveis

Pare de mexer no celular constantemente. Se estiver com dificuldade, peça ajuda de alguém próximo. Substitua essa ação por outra. Se for preciso, crie regras para não mexer no celular enquanto estiver na fila do supermercado, na sala de espera de um consultório médico.

Outro passo importante é desativar as notificações. Isso reduz pela metade os gatilhos da visualização.

Durma melhor

Dormir e acordar sem o celular é mais uma tarefa necessária para se livrar do vício. Deixe o celular carregando em outro cômodo da casa. Se utiliza o celular como desculpa para acordar, compre um despertador comum

Passeie mais

O primordial é fazer uma coisa de cada vez e praticar mais hobbies. Comece devagar. Quando estiver entediado, procure fazer uma caminhada. Mas deixe o celular em casa. Assim, evita tirar fotos apenas para postar nas redes sociais.

Gastamos muito tempo com essas ferramentas, aproveite de forma mais consciente e crie hábitos e experiências novas. A recompensa tarda, mas não falha.

 

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir