Cidadeverde.com
Esporte

Atlético-MG demite Rodrigo Santana após sequência ruim na temporada

Imprimir

Rodrigo Santana não é mais técnico do Atlético-MG. A medida tomada pela diretoria aconteceu por causa do péssimo rendimento do time, que foi eliminado na semifinal da Copa Sul-Americana recentemente e está em queda livre no Brasileirão. 

Foto - Bruno Cantini/ Atlético-MG

O estopim para a saída do treinador foi a goleada sofrida por 4 a 1 para o Grêmio, na noite deste domingo (13).

Cada vez mais distante de uma classificação para a próxima edição da Libertadores, o clube optou pela saída do treinador. Ele é o quarto demitido desde o início da gestão de Sérgio Sette Câmara, em janeiro de 2018.

De lá para cá, a diretoria também optou pela saída de Oswaldo de Oliveira, Thiago Larghi e Levir Culpi.

Rodrigo Santana herdou o lugar de Levir Culpi e participou das eliminações no Campeonato Mineiro, Libertadores, Copa do Brasil e Sul-Americana. O comandante estava no Atlético desde 2018, quando trabalhou como coordenador das categorias de base do clube. 

A demissão acontece dois meses antes do fim de seu contrato, válido até dezembro de 2019.

Fonte: UOL/FOLHAPRESS

Imprimir