Cidadeverde.com
Viver Bem

Aromaterapia promete ajudar a reduzir o estresse

Imprimir

Foto: Pixabay/ fotos gratis

Já ouviu falar em aromaterapia? A técnica utiliza óleos essenciais e fragrâncias para tratar diversas doenças. Aliás, ela promete combater até mesmo o estresse, a chamada doença do século. Os produtos são usados para aliviar sintomas psíquicos, melhorando o bem-estar físico e emocional.

O tratamento surgiu em 1937. Ele consiste em inalar aromas, enviando assim uma “mensagem” direta através do olfato ao sistema nervoso ligado às emoções. Então, o cérebro entende essas informações, melhorando o humor.

Ação diversificada

Os óleos utilizados na terapia são retirados de folhas, caule, flores ou até mesmo de raízes de plantas e diluídos em álcool. Além da inalação, também é possível aplicar o a essência diretamente na pele, espirrar no ar ou até mesmo usar durante o banho.

Usos

Embora haja muitos adeptos, é preciso dizer que não existem evidências clínicas nem estudos que comprovam a eficácia da aromaterapia na melhora de quadros de estresse e ansiedade por longos períodos.

Por se tratar de uma técnica natural, os efeitos clínicos são difíceis de mensurar. Além disso, os óleos utilizados podem causar reações alérgicas em pessoas sensíveis a algum ingrediente.

Por isso, é sempre ideal consultar o médico de confiança antes de iniciar o tratamento. Também é preciso levar em consideração as imitações do corpo. Tratamento naturais são sempre indicados como complementos, não como ação única ou principal.

 

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir