Cidadeverde.com
Política

Wellington Dias apresenta oportunidades de negócios a empresários franceses

Imprimir
  • gov6.jpg Elisa Elsie
  • gov5.jpg Elisa Elsie
  • gov4.jpg Elisa Elsie
  • gov3.jpg Elisa Elsie
  • gov2.jpg Elisa Elsie
  • gov1.jpg Elisa Elsie

O governador Wellington Dias participou, nesta segunda-feira (18), das agendas da missão na Europa, junto com os governadores dos oito estados nordestinos. Em Paris, foi apresentado a 40 empresários franceses um mapa de oportunidades de investimentos na região. 

Durante as apresentações, o governador deu destaque às oportunidades em segmentos como energia, conectividade e infraestrutura. “O Brasil pretende implementar mais 30 gigas de energia nos próximos anos. É uma área em que podemos avançar bastante em parcerias com a França, além de infraestrutura e transportes, com ênfase para Veículos Leves sobre Trilhos (VLTs) e aeroportos. Também evidenciei o projeto Nordeste Conectado, que liga os estados com a tecnologia da informação, uma área muito promissora”, ressaltou.

Essa é a primeira articulação internacional do Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável do Nordeste (Consórcio Nordeste). Para ampliar o fluxo de negócios com investidores europeus e fortalecer as relações de cooperação, o consórcio destaca o potencial de consumo e de desenvolvimento da região nordestina, que possui 57,1 milhões de habitantes e tem um Produto Interno Bruto (PIB) de R$ 898,1 bilhões, equivalente a 14% do PIB brasileiro.

Na viagem à Europa, o objetivo dos governadores é atrair recursos para áreas integradoras, como sustentabilidade, infraestrutura, turismo, saúde, segurança pública, saneamento e energias limpas, inclusive com a perspectiva de abertura de parcerias público-privadas (PPP). 

Organizado pelo Movimento das Empresas da França (Medef), o evento ocorreu na sede do Ministério da Economia e Finanças da França. Após a apresentação e conversa com os empresários, os governadores se reuniram com o ministro francês Bruno Le Maire. Além de Paris, o grupo estará em Roma, na quarta-feira (20), e em Berlim, na quinta-feira (21) e sexta-feira (22).

Energia

Ainda nesta segunda-feira (18), aconteceu uma reunião com a Voltalia, grupo francês que investe em energias renováveis em 20 países, incluindo o Brasil. “A empresa Voltalia é uma empresa que já investe no Piauí na área de cidade sustentável, tem uma parceria em Teresina e manifesta interesse de investir na região Nordeste nessa área de energia renováveis, de modo especial energia solar. Já faz investimentos no Rio Grande do Norte e manifestou interesse em tratar com os estados. Já organizamos uma reunião de trabalho no Brasil para trazer essa empresa para também investir no Piauí”, explicou o governador.

O uso de energias limpas também foi destaque na missão internacional do Consórcio Nordeste, nesta segunda (18) em Paris. Com interesse na criação de 'blue corridors', uma rota de transporte de gás natural entre os nove estados nordestinos, os governadores estiveram com representantes da Golar Power, joint venture entre a norueguesa Golar e o fundo norte-americano Stonepeak. 

Denominado 'Rota Azul', o projeto de integração no Nordeste inclui a instalação de postos de combustíveis capazes de fornecer gás natural liquefeito (GNL) para veículos de carga. Em outros países, a exemplo da China, Espanha e Alemanha, os caminhões e ônibus movidos a gás natural já são realidade. 

“No projeto dentro do Piauí nós teríamos uma linha que entra na região de Tianguá, em direção a Piripiri, e eu estou pedindo também que siga até Parnaíba. De forma concreta, já acertamos, na volta ao Brasil, um encontro entre nossos representantes da secretaria de Estado de Mineração e os representantes da Golar Power para ver a possibilidade da assinatura de um termo de cooperação onde a gente determina ali qual a tarefa de cada um. É um investimento gigante e que pode dar viabilidade a bacia do gás tanto no Maranhão, quanto no Piauí”, explicou Wellington Dias.

Unesco

Encerrando os compromissos desta segunda-feira (18), Wellington Dias e os demais governadores foram até a sede da Unesco onde entregaram uma proposta de memorando de entendimento. O documento assegura a cooperação dos estados nordestinos com a Unesco para o desenvolvimento de projetos na região, alinhados aos objetivos da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável.

“Fomos muito bem recebidos pelo diretor adjunto da Unesco. Ele recebeu muito bem a comitiva e a proposta que apresentamos para o estreitamento de uma parceria com a instituição em temas de importância ímpar e que seguem as diretrizes de desenvolvimento sustentável estabelecidas pela Organização das Nações Unidas (ONU) nas áreas de educação, saneamento, justiça, segurança e meio ambiente”, ressalta o governador do Piauí, Wellington Dias.

A proposta dos governadores é de cooperação com a Unesco e tem os seguintes objetivos: promover uma educação de qualidade; alcançar a igualdade de gênero; garantir disponibilidade de água limpa e saneamento; viabilizar infraestrutura robusta, industrialização inclusiva e sustentável e estímulo à inovação; conservar a vida subaquática; e promover a paz, com acesso à justiça para todos e estruturação de instituições fortes.

Além do chefe do poder executivo piauiense, participam da missão na Europa os governadores Rui Costa (Bahia), Renan Filho (Alagoas), Camilo Santana (Ceará), João Azevêdo (Paraíba), Paulo Câmara (Pernambuco), Fátima Bezerra (Rio Grande do Norte), assim como o vice-governador Carlos Brandão (Maranhão). O governador de Sergipe, Belivaldo Chagas, está representado pelo superintendente de Parcerias Público Privadas, Oliveira Junior.

Da Redação
[email protected]

Imprimir