Cidadeverde.com
Geral

Segurança confirma prisão de delegado por violência doméstica

Imprimir

Foto: Roberta Aline/Cidadeverde.com

A Secretaria de Estado da Segurança Pública informou ao Cidadeverde.com que o José de Anchieta Pontes dos Santos foi preso na madrugada desta quinta-feira (21) pelo crime de lesão corporal em situação de violência doméstica. Ele foi conduzido para a Central de Flagrantes de Teresina e foi liberado após pagar fianças.

A vítima seria uma ex-mulher do delegado com quem ele tem uma filha de 12 anos. 

O Cidadeverde.com entrou em contato com o delegado José de Anchieta, que é lotado no município de Monsenhor Gil. Ele negou a prisão e disse que levou a mulher a polícia após ela ter uma “surto psicótico”.

“Eu não fui preso. Ela é mãe de uma das minhas filhas e estava tendo um ataque psicótico. Ela tem um problema psicológico, toma remédio controlado. Ela já foi chamada em conselho tutelar por conta disso, quando os vizinhos tomam conhecimento de algum surto, ligam pra mim. Eu fui contornar a situação,. Fui mais para poder tranquilizar, porque além da minha filha, ela tem um filho menor”, contou o delegado. 

O fato teria ocorrido em uma residência no bairro Dirceu, zona Sudeste de Teresina.

O Sindicato dos Delegados de Polícia Civil de Carreira do Estado do Piauí não quis comentar o caso justificando que se tratava de uma ocorrência do âmbito particular.

NOTA

A Secretaria de Estado da Segurança Pública afirma que o delegado José de Anchieta Pontes dos Santos foi preso na madrugada desta quinta-feira (21) pelo crime de lesão corporal em situação de violência doméstica. Policiais militares o conduziram para Central de Flagrantes de Teresina onde mesmo pagou fiança. O caso será encaminhado para Corregedoria Geral da Polícia Civil.

Valmir Macêdo
[email protected]

Imprimir