Cidadeverde.com
Política

Cidadania monta chapa sem nome do vereador Lázaro Carvalho

Imprimir

Foto: Valmir Macedo/Cidadeverde.com

O clima no partido Cidadania não está dos melhores para o nome do vereador de Teresina Doutor Lázaro Carvalho, que atualmente está em mandato pela sigla. O presidente estadual do partido, Celso Henrique, informou que o vereador está de fora da chapa para as eleições 2020.

Lázaro Carvalho está respondendo internamente por fazer acusações graves contra a direção da sigla. O parlamentar teria acusado o partido de venda de coligações e de horário eleitoral. Um grupo de membros se mobiliza para pedir sua expulsão. 

"Nós estamos construindo a chapa sem ele. Vai ser instalada uma comissão de ética justamente para a comissão fazer um pré-julgamento e, depois mandar para o diretório, das acusações graves que ele fez à direção do partido e a membros do partido, incluindo eu, que fui prejudicado enquanto pai de família, enquanto cidadão", revelou o dirigente estadual. 

A sigla reafirma sua posição enquanto base do prefeito Firmino Filho e já se prepara para sugerir nomes influentes para ocupar cadeiras na Câmara Municipal. O empresário 
Carlinhos da Padaria, da região do Jacinta Andrade e o publicitário Alexandre Palmer, do ramo de publicidade, são possíveis pré-candidatos. Outro nome é o do advogado Rafael Machado que se filiou no partido recentemente.

No interior 

 A partir de janeiro, o partido quer intensificar o projeto Cidadania Pela Estrada na região Sul do estado, incluindo cidades como Floriano e Picos. Atualmente caravanas percorrem cidades da região Norte do Piauí. 

Candidatura nacional 

Segundo o presidente do partido no Piauí, as tratativas para a candidatura do apresentador Luciano Huck continuam à nível nacional. "Estamos avançando para lançar um nome forte para candidato a presidência da república", disse Celso.

 

Valmir Macedo
[email protected]

Imprimir