Cidadeverde.com
Viver Bem

Terapia busca nas relações familiares determinados bloqueios

Imprimir

Todo mundo quer ser feliz. Em casa, no trabalho, no amor No entanto, o que realmente significa felicidade? Ainda não existe receita, mas uma terapia de autoconhecimento chamada Consciência Sistêmica já acena como uma opção.

O propósito é desenhar um caminho para se percorrer até chegar aos objetivos, reconhecendo-se e enxergando bem onde se pisa. Ela funciona a partir das constelações familiares.

A constelação familiar surgiu em1925 e foi criada pelo psicoterapeuta alemão Bert Hellinger. É uma técnica terapêutica em que se desenvolvem “esculturas vivas” que reconstituem uma situação familiar, permitindo localizar e remover bloqueios de qualquer geração ou integrante da família.

Essas esculturas podem ser representadas por pessoas, quando a sessão é feita em grupo, ou com bonecos de plástico, quando é individual.

A prática consiste na criação de um campo energético. Com isso, os representantes conseguem acessar informações sobre os familiares representados.

Durante a terapia, é possível identificar as causas. Dessa forma, os medos e bloqueios são identificados, possibilitando assim um caminho para a solução dos problemas.

 

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir